Use sua nota do ENEM e ganhe 50% de desconto na matrícula.Powered by Rock Convert

Uma das atividades de maior peso no currículo de uma pessoa é o voluntariado. É claro que ter uma boa formação também faz toda a diferença, a questão é que investir em diferenciais como o trabalho voluntário atrai a atenção dos recrutadores.

Ainda que, a princípio, possa parecer um interesse exclusivamente pessoal, a verdade é que os impactos para a carreira são muito positivos. Ou seja, esse tipo de vivência é capaz de trazer bons resultados para a sua vida profissional.

E você, já pensou nessa ideia? Quer saber como isso pode ajudá-lo? Confira a seguir as principais vantagens que destacamos!

Agregar uma experiência diferenciada no currículo

Entrar no mercado de trabalho e conquistar uma vaga legal nem sempre é uma tarefa tão fácil. Há muitos recém-formados que investiram em uma boa capacitação e têm dificuldade de conseguir um emprego.

Isso acontece pela influência de diversos fatores, sendo que um deles pode ser a alta concorrência. Nesse caso, os processos seletivos ficam mais acirrados e a análise do currículo de cada candidato ganha ainda mais importância.

Então, as empresas passam a buscar diferenciais no perfil de cada um para fazer uma seleção criteriosa. Esse é o momento que as pessoas que participam de projetos de voluntariado se destacam, pois essa é uma experiência bem valorizada pelos recrutadores.

Desenvolver o espírito de equipe

Uma situação bastante comum nos projetos dessa natureza é ter que trabalhar em equipe e, muitas vezes, com gente que você nunca viu antes. Por exemplo, quando você vê fotos de pessoas que se juntaram para construir casas em comunidades carentes, não pense que eles são melhores amigos de infância.

Na maioria das ocasiões, os grupos se formam na hora e agem em conjunto em prol daquela necessidade — assim também acontece em outros tipos de trabalhos. Então, o sentimento de união para ajudar uma causa fica evidente, especialmente nas condições adversas e dificuldades que vão surgindo pelo caminho.

No fim das contas, é como conseguir um novo emprego e ser inserido em um time de trabalho. Saber conviver com os colegas e ter esse espírito de equipe ajuda muito na conquista das metas esperadas. Aliás, quem demonstra traços de liderança ainda tem maior probabilidade de crescer profissionalmente.

Contribuir com a sociedade

Fazer o bem para o outro é algo que oferece um retorno enorme para nós mesmos, não só no que diz respeito à trajetória profissional. O fato de se sentir capaz de contribuir de alguma forma com a sociedade é realmente gratificante.

Porém, infelizmente, o engajamento social não é para todos. Há muitas pessoas que não estão preocupadas em tentar fazer alguma diferença nesse sentido, independentemente dos seus motivos. Diante disso, só quem é um voluntário sabe a importância que isso tem e como pequenas atitudes podem ser transformadoras.

Por sua vez, as empresas que reconhecem esse valor são capazes de enxergar os candidatos que se importam com a sociedade em que vivem e que se interessam em dedicar parte do seu tempo para contribuir com algum projeto relevante — mesmo que ele não seja da sua área de atuação.

Conhecer novas pessoas

Além de desenvolver as suas próprias capacidades, não tenha dúvidas que as atividades voluntárias vão permitir que você conheça novas pessoas e culturas diferentes. Por essa razão, é preciso estar aberto para fazer amizades e disposto a conviver com o diferente.

Inclusive, talvez esse seja um dos maiores aprendizados desse tipo de experiência. Lidar com uma realidade diversa faz com que cada um saia da sua zona de conforto e se transforme.

Com relação à carreira, é uma ótima chance para entrar em contato com pessoas diversas, criar novos laços e fortalecer o networking. Aproveite para melhorar a sua capacidade de comunicação e a sua empatia.

Abrir a mente para novas ideias

É difícil tentar transmitir as sensações vividas no voluntariado para quem nunca passou por isso. No entanto, se você procurar depoimentos dessas pessoas ou mesmo conversar com elas, vai perceber que a mente delas parece muito mais aberta.

Quem tem essa postura ativa e gosta de iniciativas transformadoras, normalmente vive buscando ideias e pensando em como provocar mudanças. Se tiver oportunidade, uma dica interessante é acompanhar o trabalho de uma ONG para ver como é possível fazer muito com pouco.

O desenvolvimento desse espírito proativo e inquieto é uma base de formação para profissionais inovadores, que conseguem oferecer soluções criativas e empreendem. Afinal, quem permanece sempre no mesmo lugar não é desafiado e tem menos chances de fortalecer o seu potencial.

Promover o autoconhecimento

Acredite, apesar de estar a serviço do outro, esse é um momento bastante propício para conhecer a si mesmo, reconhecer os seus propósitos, referências, dificuldades e sonhos para o futuro.

Essa é uma lição muito presente nos relatos de voluntários que trabalharam no exterior, por exemplo. Sair de casa e começar uma nova vida longe (ainda que por pouco tempo) favorece a reflexão sobre diversos aspectos. E, ao entender mais de nós mesmos, conseguimos alinhar os nossos objetivos e carreira de uma forma mais satisfatória.

Conquistar habilidades valorizadas pelo mercado

Por fim, não há como negar que ser voluntário é uma grande escola. Além de todas essas vantagens já citadas, ainda existem outras habilidades que são aprimoradas nesse contexto.

Uma das mais significativas é o senso de responsabilidade. Ao assumir uma função, você se torna responsável por ela e precisa ser comprometido para cumprir com as suas obrigações. Durante a realização das atividades, vai precisar exercitar a sua organização e o gerenciamento de tarefas.

Disciplina, pontualidade e flexibilidade são outros exemplos. Tem dificuldade em alguma coisa? Essa é a hora de identificar suas fraquezas e fazer o possível para melhorar. Assim, você vai se tornar uma pessoa muito mais madura e um profissional bem mais preparado para enfrentar o mercado de trabalho.

Depois de conhecer tantas características do voluntariado, que tal considerar passar por uma experiência como essa? O que você precisa é apenas de disposição, boa vontade e um pouco do seu tempo. Garanto que não vai se arrepender!

Se você se interessou pelo tema, aproveite para ler o nosso post com 6 lições que você vai aprender com o trabalho comunitário. Não deixe de conferir os aprendizados e repensar essa oportunidade!

 

Facebook Comments