Certamente, você já ouviu falar sobre a necessidade de criar e estabelecer uma rede de contatos, não é mesmo?

Mas, será que você realmente entende a importância do networking? Afinal, esse termo de origem inglesa representa muito mais do que apenas a capacidade de interagir com pessoas nos mais diferentes lugares e situações.

Ele é uma ferramenta para construir relações, trocar informações e experiências, angariar reputação e ter acesso a oportunidades únicas que farão sua carreira decolar.

Quando iniciado ainda na vida acadêmica, as chances de desenvolver uma rede de contatos e ampliá-la só aumentam. E tudo isso graças à faculdade, que é um ambiente propício ao intercâmbio de conhecimento e permite a vivência com profissionais e pesquisadores respeitados.

Por essa razão, listamos 5 benefícios do networking para o seu futuro profissional. Acompanhe!

1. Mentoria para conquistar uma carreira de sucesso

Para começar, um dos benefícios que você terá ao longo da sua trajetória — e que demonstra a importância do networking — é a mentoria encontrada no ambiente acadêmico.

Muitos estudantes que ingressam no ensino superior têm certeza apenas do curso que desejam fazer, mas possuem diversas dúvidas — ou, em alguns casos, até mesmo desconhecem as áreas de atuação daquele ramo e as diferentes possibilidades que podem ter no mercado.

Isso, como já é de se imaginar, causa insegurança e receio em quem deseja se graduar, progredir financeiramente, ter uma carreira e realizar grandes conquistas, mas não sabe ao certo por onde começar ou seguir.

Contudo, muitos dos docentes da faculdade são também profissionais com uma vasta experiência de atuação no mercado de trabalho. Portanto, anos de conhecimento e aprimoramento na profissão podem ser muito úteis para você — como guias — nessa missão.

Isto é, eles ser mentores que vão ajudá-lo a explorar todas as oportunidades em sua vida acadêmica, mostrando alternativas para se especializar ainda mais e progredir na carreira. Dessa maneira, é mais fácil encontrar um segmento com o qual você se identifica.

2. Indicação para vagas e oportunidades

A mentoria não tem efeitos positivos apenas na descoberta dos caminhos que você pode seguir em sua trajetória profissional. Ela vai muito além.

Como dissemos, uma grande parcela dos professores que lecionam para a sua turma contam com uma experiência de anos de mercado, tendo passado por diversos setores e vivenciado a rotina de empresas, participado ativamente no sucesso e no alcance de resultados e metas de muitas corporações.

Mesclando isso ao período em que estão no corpo docente da faculdade, eles criam uma vasta e complexa rede de contatos que podem abrir as portas para o seu primeiro estágio — por meio de indicação, por exemplo.

Portanto, esse networking pode render muito mais do que aprendizado. Ele possibilita também a chance de testar, na prática, o conhecimento adquirido na sala de aula, ampliar suas habilidades, testar seus pontos fortes e ainda corrigir suas falhas.

3. Divulgação do seu trabalho e de suas habilidades

Toda experiência adquirida por meio do networking — seja em estágios ou em trabalhos acadêmicos — fornece uma boa base para que você se desenvolva como profissional e se torne capacitado para crescer e alcançar novos cargos — especialmente aqueles que envolvem tomada de decisão e gestão.

Ou seja, essa poderosa ferramenta funciona como uma vitrine para que as pessoas, em seu meio profissional, tenham certeza de que a sua indicação foi acertada e que você tem potencial naquela área de atuação.

Dessa forma, você constrói uma trajetória ascendente e repleta de referências positivas sobre suas habilidades e sobre o seu trabalho. Logo, com o reconhecimento, aparecerão também propostas ainda mais desafiadoras e melhores ofertas salariais.

4. Futuras parcerias dentro do mercado de trabalho

Além dos benefícios anteriores conquistados durante a vida acadêmica, há outro muito importante: conhecer colegas de sala ou de semestre, por exemplo, com as mesmas pretensões que você.

Essa identificação é saudável e traz diversas vantagens, porque você não apenas cria empatia e constrói amizades que poderá levar para o resto da vida. É possível, também tecer conexões profissionais para além do campus.

E isso se dá por meios de trabalhos em equipe, seminários, projetos estudantis, grupos de estudo, aulas e demais vivências nos espaços da faculdade.

Desse modo, quando for procurar oportunidades para ingressar no mercado, ou quando desejar investir em novas áreas em sua profissão, terá inúmeros conhecidos — que já integram sua rede de contatos há alguns anos — atuando em empresas, agências e companhias.

Todas essas pessoas poderão servir como referência das suas habilidades e da sua competência para parcerias, projetos e até mesmo na indicação de possíveis vagas — para que você trabalhe ao lado delas. Por isso, um networking sólido — ainda no ambiente acadêmico — é tão essencial.

5. Abrangência de conhecimento graças à importância do networking

Por fim, o networking acadêmico cria novas oportunidades para ir além do conhecimento adquirido sobre a sua futura profissão.

À medida que você aumenta sua rede de contatos com professores e outros alunos, suas vivências são ampliadas — especialmente ao aproveitar vagas e períodos de experiência que surgirem pelo caminho.

Com isso, a sua visão como profissional, por exemplo, não estará engessada. Ou seja, ela não se limitará apenas à área de atuação escolhida.

Como resultado, você poderá explorar novas vertentes da sua profissão, diversificar suas ofertas de trabalho e conquistar novos feitos em sua carreira. Tudo isso é possível graças à instrução adquirida ao longo de todo o processo da graduação, que o tornará mais qualificado e capacitado para o mercado de trabalho.

A importância do networking, portanto, é decisiva para ampliar a sua rede de contatos e seus conhecimentos. Assim, você poderá conquistar oportunidades exclusivas, fundamentais para uma carreira promissora e um futuro profissional de sucesso.

Por isso, aproveite bastante o ambiente acadêmico: participe das atividades na faculdade, candidate-se para vagas de estágio, faça trabalhos em conjunto com seus colegas e invista nessa poderosa ferramenta!

Se você gostou do tema deste post, mas ainda não sabe qual área seguir no ensino superior, aproveite para ler agora sobre a importância de se fazer o que gosta para ter uma carreira de sucesso!

Facebook Comments