Com frequência, as pessoas almejam um aumento de salário, concorda? Afinal, com ele, torna-se possível ganhar mais e ter mais chances de conquistar sonhos (seja uma viagem ou casa própria), além da melhor qualidade de vida. Porém, incrementos nos ganhos de qualquer profissional não caem do céu.

Seu bom desempenho na função que exerce certamente é um fator a favor de um reajustes nos seus vencimentos. Contudo, o mais decisivo é sua educação formal. Assim sendo, a pós-graduação se apresenta como determinante para conseguir uma melhor remuneração.

Está em busca de um aumento de salário e quer algumas informações relevantes sobre o assunto? Então, é só seguir lendo este artigo!

Qual a relação entre pós-graduação e aumento de salário?

No mercado de trabalho, o conhecimento adquirido pela experiência é valorizado. No entanto, o conhecimento formal é fundamental para que essa valorização se transforme em retorno financeiro e sucesso na carreira.

Não é à toa que ter uma graduação pode garantir um salário até 25% mais alto em cargos operacionais, segundo pesquisa realizada pela Catho Educação com mais de 2 milhões de profissionais de mais de 25 mil empresas em 4.063 cidades de todo país. Isso porque o plano de cargos e salários de uma companhia segue faixas de formação, e os salários só ficam mais elevados quanto mais alto for o grau de escolaridade.

Obviamente, cada atividade pede um tipo de pós-graduação. Para algumas, a especialização é o melhor caminho, enquanto para outras, especialmente envolvendo habilidades de gestão, um MBA é mais seguro. Mestrado e doutorado costumam ser mais indicados para aqueles profissionais que almejam a docência e a pesquisa. Contudo, mesmo dentro do mercado, os cursos são bem-vistos e elevam os salários.

De qualquer maneira, em todos os níveis hierárquicos, o salário de pessoas mais bem qualificadas formalmente é maior. Por esse motivo, ter boas qualificações no currículo impacta diretamente a remuneração do profissional.

A pós-graduação é um investimento de recursos financeiros, tempo e esforços no autoaprimoramento e, assim, acaba sendo recompensada de acordo. Uma ótima notícia, não é mesmo?

Existem variações dependendo do cargo e do tipo de pós-graduação?

A resposta é: sim! Cada curso de pós-graduação tem um impacto diferente na remuneração, principalmente considerando os cargos. Por isso, é muito importante você avaliar seus desejos e metas profissionais. Assim, conseguirá escolher em qual pós investir para ter mais chances de retorno.

Ainda de acordo com o estudo já mencionado, no caso de profissionais que atuam em cargos de coordenação, por exemplo, a pós-graduação na modalidade de MBA ou especialização pode aumentar os salários em até 53,7%, enquanto o curso de mestrado pode garantir crescimento de até 47,4%.

Quem atua como técnico (técnico em enfermagem, por exemplo), pode se beneficiar com acréscimo de cerca de 10% nos ganhos mensais ao fazer uma especialização ou um MBA. É o segundo passo após a graduação, que pode garantir até 12,4% de ajuste no salário desse perfil profissional.

No caso do cargo de analista, por exemplo, mestrado ou doutorado pode incrementar o salário em 118%. Perceba que esse é um alto grau de formação, com investimento de dois (mestrado) a quatro anos (doutorado) e muita dedicação.

Ou seja: quanto mais degraus você subir na educação formal, maior será o seu salário. As organizações estão em busca de profissionais mais completos e capazes em suas funções, com um conhecimento específico e de qualidade que uma pós-graduação consegue oferecer.

Educação continuada é o segredo para uma carreira de sucesso?

Você já ouviu dizer que um bom profissional jamais para de estudar? Essa afirmação não poderia estar mais certa. A educação continuada garante a atualização tão valorizada pelo mercado às pessoas que atuam em todas as áreas e faz com que você não fique ultrapassado. Como vimos, ela ainda proporciona uma remuneração mais interessante.

No mercado de trabalho, conceitos e processos estão em constante evolução, e os profissionais devem acompanhar essa demanda. Investir em pós-graduação, estar presente em palestras e workshops e também ler conteúdos da sua área de atuação são atitudes fundamentais.

Nesse sentido, abaixo, seguem algumas dicas para você se programar para fazer uma pós-graduação e incrementar seu salário. Vamos a elas?

Trabalhe com metas

Para sua carreira alavancar, você deve ter coragem de fugir da zona de conforto (é clichê, mas é verdade). Por isso, é importante trabalhar com metas, que vão ser seus objetivos a serem conquistados.

Pode ser uma promoção ou incremento de X% em seu salário: pense em um horizonte para você lutar por ele. A partir desse diagnóstico e planejamento, será bem mais fácil tomar decisões sobre investimentos na sua carreira.

Sonde o mercado

Aquele amigo que tem um cargo parecido com o seu na empresa está ganhando mais? Qual foi o pulo do gato desse acréscimo e em qual curso ele investiu? A amiga que faz exatamente o que você faz mas em outra companhia terminou uma pós. Qual é o salário dela agora?

Caso você tenha alguma intimidade com essas pessoas, não precisa se acanhar ao fazer essas perguntas. Afinal, todos os profissionais querem a mesma coisa: receber de forma justa e entender quais caminhos percorrer para isso.

Fique de olho também nas pesquisas salariais da sua área para ver se você está dentro da média ou se há sintoma de algo errado. Você pode estar com salário defasado por falta de uma especialização ou MBA, por exemplo.

Pesquise qual curso é ideal para você

De posse dessas informações, procure saber tudo sobre cada tipo de pós-graduação e como ela o ajudaria na sua função e no aumento do seu salário. Caso tenha dúvidas, você pode conversar abertamente com seu superior ou com o setor de RH da empresa. A busca por melhorias é sempre bem-vista.

Essa pesquisa também é boa na medida em que muitas empresas têm parcerias e convênios com faculdades e até recomendam cursos específicos de pós-graduação para seus colaboradores. Procure saber quais são eles.

Então, entendeu o quanto uma pós-graduação é determinante para o tão sonhado aumento de salário? Corra atrás de aprimorar sua formação e, em pouco tempo, vai colher os frutos desse investimento.

Se você gostou deste conteúdo, que tal assinar nossa newsletter e saber em primeira mão todas as novidades sobre assuntos relacionados à formação, carreira e empregabilidade? Até a próxima!

 

Facebook Comments