Você sabe trabalhar sob pressão? Veja 6 dicas para lidar bem com essa situação!

trabalhar sob pressão
6 minutos para ler

Trabalhar sob pressão é cada vez mais comum no mundo que vivemos, tão dinâmico e exigente. Por conta disso, pessoas de todas as áreas do mercado costumam apresentar um nível elevado de estresse, sem falar da possibilidade de desenvolver outras complicações.

Quem está fazendo jornada dupla para garantir uma renda extra sabe que não é fácil, assim como quem trabalha em startup e acumula várias funções. Se você também tem interesse em saber como lidar melhor com essa situação, não perca as dicas que listamos a seguir!

1. Foque o momento presente

Um dos grandes problemas de quem trabalha sob pressão é viver aflito, ansioso e preocupado. É angustiante pensar o tempo todo se as coisas vão dar certo, se vai ser possível cumprir todas as tarefas, se tudo vai sair como planejado ou como resolver os imprevistos.

Por isso, uma das dicas para ficar menos estressado é focar o momento presente. Tente esquecer um pouco do contexto geral para carregar um peso menor no dia a dia. Organize o seu tempo e compromissos para que nada seja deixado de lado, mas concentre-se em apenas um dos afazeres por vez.

Quais são as atividades do dia? O que é possível resolver hoje? Aprenda a lidar com uma coisa de cada vez e isso vai transformar não só a sua produtividade como deve ajudar a reduzir a sensação de estresse constante.

2. Divida os desafios em partes menores

Uma escada enorme parece muito mais difícil de enfrentar quando você contabiliza todos os seus degraus em vez de subir um por um. Além disso, pensar no desafio inteiro é capaz de atrapalhar sua motivação, pois o final quase sempre parece inatingível.

Isso também acontece na nossa vida, em projetos pessoais e profissionais. Quando um estudante está para entrar na faculdade, logo vem à cabeça que serão cerca de 4 anos de muito estudo e sacrifício.

Ao considerar cada semestre individualmente, parece que esse “fardo” fica mais leve. Em seis meses há um número menor de matérias para cumprir, as provas são limitadas e a rotina fica mais intensa em alguns momentos até que depois chega o período das férias para recuperar a energia.

Entende como lidar com desafios menores pode ser menos desesperador? Pequenas metas normalmente são mais fáceis de encarar e, no fim das contas, elas levam a grandes conquistas. Então, se você tem um grande desafio em vista, estabeleça objetivos menores e comece a trabalhar para vencer cada um deles.

3. Adote uma prática de mindfulness

Apesar do sucesso que o mindfulness tem feito, muitas pessoas ainda não sabem muito sobre essa técnica — que também é conhecida como “atenção plena”. O princípio tem muito a ver com a prática de focar o presente, que citamos no primeiro tópico.

A importância dos exercícios é justamente desenvolver essa capacidade de consciência plena para saber agir e abstrair de tudo o que não é relevante no momento. Afinal, nossa mente vive cheia de pensamentos e distrações, não é mesmo?

Os benefícios são diversos, desde a melhora da concentração e criatividade até a redução de sintomas como insônia, ansiedade e o próprio estresse. Então, vale muito a pena pesquisar sobre a prática do mindfulness e inserir essa atividade na rotina. Uma das principais formas de praticar é com a meditação.

4. Defina momentos de descanso

É impossível viver tranquilo sob pressão o tempo inteiro — ou, pelo menos, podemos dizer que esse é um convite para atrapalhar a sua saúde mental e física.

Relaxar e ter momentos de descanso é essencial para manter a qualidade de vida. Não por acaso, a recomendação dos órgãos e profissionais da saúde é ter boas noites de sono por aproximadamente 8 horas. Nesse período, é importante desligar-se das preocupações cotidianas e deixar que o organismo se renove.

Além da hora de dormir, pequenos intervalos durante o dia também fazem bem. Isso não significa que você é desocupado ou irresponsável, apenas que consegue fazer uma boa gestão do seu tempo para organizar suas tarefas e ainda conseguir breves pausas para favorecer o seu rendimento.

5. Pratique atividades físicas

Muita gente pensa que quem trabalha muito e tem uma rotina corrida não tem tempo para se exercitar. Levantar mais cedo para isso ou fazer uma atividade física depois do trabalho parecem situações ainda mais cansativas.

Contudo, o que acontece é exatamente o contrário. Na verdade, os exercícios físicos são como um remédio contra o estresse, principalmente pela produção da endorfina — que é o hormônio do bem-estar.

Independentemente do tipo de atividade escolhida, o que mais importa é que a prática seja regular. Esse é um esforço que faz toda a diferença e rapidamente você vai perceber os seus efeitos, como maior disposição.

6. Adote medidas para melhorar o seu sono

Por último e não menos importante, fique atento à qualidade do seu sono. É muito comum que pessoas acostumadas a trabalhar sob pressão se habituem também com noites mal dormidas. Pode parecer algo inocente, mas em médio e longo prazo isso não faz bem.

Comece a cuidar melhor das suas noites e preparar-se para dormir. Algumas medidas que contribuem são:

  • desligar os aparelhos eletrônicos;
  • evitar substâncias estimulantes ao fim do dia;
  • investir em um bom colchão e travesseiro;
  • tomar um banho relaxante antes de deitar;
  • tentar afastar as distrações (internas e externas).

Tenha a certeza de que o descanso completo durante o sono vai contribuir para sua memória, concentração, raciocínio lógico, energia e entusiasmo para lidar com os desafios. Logo, se você desperta várias vezes pela noite ou já acorda cansado, saiba que isso não é o ideal e busque alternativas para mudar a situação.

Enfim, se você acha que está faltando alguns desses cuidados na sua vida, comece já a colocar nossas sugestões em prática e mudar alguns hábitos. Essa é a melhor maneira de garantir resultados diferentes e melhorias para o seu dia a dia, mesmo se você trabalhar sob pressão.

O que achou das dicas? Se ainda tem alguma dúvida ou deseja compartilhar sua experiência com esse assunto, escreva seu comentário aqui no post!

Facebook Comments
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Share This