Use sua nota do ENEM e ganhe 50% de desconto na matrícula.Powered by Rock Convert

Você decidiu fazer uma especialização? Parabéns, pois essa decisão vai colocá-lo em uma posição muito melhor no mercado de trabalho. E não se trata apenas dos conhecimentos que você vai adquirir, mas dos contatos que vai estabelecer. Em outras palavras, pós-graduação e networking têm tudo a ver — o que é muito bom para a sua carreira.

Neste post, vamos discutir melhor como a pós-graduação pode fortalecer seu networking e os benefícios que isso traz para a vida profissional.

Conhecendo pessoas na pós-graduação

Na pós-graduação, a grande maioria dos alunos já está inserida no mercado de trabalho. Isso significa que os seus colegas de estudos estão em posição de contribuir para a sua carreira. Eles têm suas vivências e suas próprias redes de contatos, que vão se somar às suas.

E os alunos não são as únicas pessoas que você vai conhecer. O próprio corpo docente também vai compor seu grupo de contatos. Considerando que os professores da pós-graduação têm vasta experiência profissional e uma formação teórica diferenciada, realizar networking com eles, certamente, vai trazer benefícios.

Benefícios de unir pós-graduação e networking

Então, o que você realmente tem a ganhar fazendo contatos na pós-graduação? Os benefícios vão além do que você pode imaginar. Confira!

1. Ter acesso a oportunidades diferentes

As pessoas com as quais você fizer contato na pós-graduação podem avisá-lo sobre boas oportunidades de trabalho que, normalmente, não chegariam até você. Além disso, elas também podem levar seu nome (e até seu currículo) a outros contatos, inserindo você em novos círculos.

No entanto, não pense que as oportunidades se limitam a encontrar vagas de emprego. Elas também podem aparecer graças ao networking; mas os seus contatos podem ajudá-lo de várias outras formas. Eles podem se tornar seus sócios, investidores, clientes, fornecedores ou simplesmente pessoas com as quais você vai poder trocar ideias e chegar a insights relevantes.

2. Praticar habilidades sociais

Quem está acostumado a fazer networking apenas por meio dos meios virtuais — por exemplo, de sites como o LinkedIn — pode ser muito bom para estabelecer contatos atrás da tela do computador. Porém, isso não significa facilidade na hora de estabelecer contatos pessoalmente.

A boa notícia é que as habilidades de que você precisa para fazer networking na pós-graduação são as mesmas de que você vai precisar em qualquer outra situação envolvendo interação face a face, até mesmo em entrevistas de emprego. Então, esse é o momento de praticá-las, especialmente para quem se considera tímido e não tem facilidade para tomar a iniciativa de aproximar-se das outras pessoas.

3. Criar uma rede profissional horizontal

Seus contatos são sempre pessoas que já estão em um nível elevado na “escada corporativa”? Eles certamente podem enriquecer sua trajetória profissional, mas existe um certo desequilíbrio na relação.

A pós-graduação é o ambiente ideal para criar uma rede profissional horizontal, isto é, na qual os seus contatos estão em uma posição similar à sua. Dessa maneira, é mais provável que ambos os lados tenham algo a contribuir e algo a ganhar; e esse é um tipo de relação muito produtiva.

4. Posicionar-se para construir carreira em um novo local

Se você quer levar sua carreira para um local diferente — uma nova cidade, um novo estado, até mesmo um novo país — contar com networking que possa ajudá-lo a se posicionar é uma grande vantagem. Com indicações e recomendações, o processo de recolocação, que pode parecer intimidador, torna-se bem mais simples.

Dicas para fazer networking na pós-graduação

Para combinar pós-graduação e networking com sucesso, é recomendável adotar algumas boas práticas. Veja quais são:

1. Seja participativo nas aulas

Quando você é participativo nas aulas, ganha a atenção dos alunos e dos professores. Pode ser um pouco difícil, já que muitas pessoas sentem-se intimidadas ao falar na frente dos outros e têm medo de errar. Porém, esse é justamente o motivo pelo qual aqueles que colaboram com a aula ficam em destaque.

2. Desenvolva uma boa relação com pessoas diferentes

Tratando-se de networking, você deve estar preparado para lidar com pessoas de diferentes perfis. Tome cuidado para não se fechar em um grupo de colegas, o que limita seu potencial para desenvolver contatos. Em vez disso, esteja aberto a conhecer e conversar com todos.

Aliás, esse é um ponto que merece destaque. Em uma mesma sala de pós-graduação, você pode encontrar pessoas com as mais variadas formações de graduação, de Letras a Engenharia. Você pode ver tal diversidade como uma vantagem, pois cada uma dessas pessoas poderá apresentá-lo a um ponto de vista diferente sobre o tema do curso.

3. Vá aos eventos

Se a instituição onde você faz pós-graduação organiza eventos para os alunos, esteja presente nessas ocasiões. Você poderá interagir com pessoas que não estão na sua turma, o que amplia ainda mais seu círculo de contatos. Além disso, estar fora da sala de aula torna a interação ainda mais natural.

4. Não leve tudo a sério

Apesar da importância do networking para fins profissionais, ele não é muito diferente de qualquer tentativa de conhecer pessoas novas, de fazer amigos. De fato, a melhor maneira de garantir que você vai criar uma relação significativa com os seus contatos é garantindo que essa relação seja genuína, humana. Então, evite colocar pressão excessiva sobre si mesmo!

5. Mantenha contato em longo prazo

Desenvolver uma rede profissional na pós-graduação e perdê-la depois não parece uma boa política, não é mesmo? Então, dedique-se a manter contato em longo prazo. Use a tecnologia a seu favor, para que a comunicação não seja um peso. Com a ajuda das redes sociais ou aplicativos de mensagens, você consegue deixar seus contatos sempre a par das novidades relevantes, de um jeito eficiente.

Em resumo, pós-graduação e networking são duas atividades que podem caminhar juntas. Se você fizer um esforço para criar uma rede profissional durante a especialização, vai colher muito mais benefícios no final do curso, além de conhecimento e um diploma.

Esse conteúdo foi útil para você? Que tal levá-lo a mais pessoas? Basta compartilhar este post nas redes sociais!

 

Facebook Comments