Os profissionais e as organizações estão atentando cada vez mais para a importância que o bem-estar mental e as relações interpessoais saudáveis têm para o sucesso do trabalho. Com isso, conhecimentos ligados às ciências humanas contribuem com o planejamento de carreira — é o caso da Psicologia Positiva.

Esse campo de estudos se dedica a compreender os aspectos positivos e saudáveis das pessoas. Dessa forma, ele oferece dados de pesquisas e orientações que ajudam no desenvolvimento de sentimentos e ações positivas. Que tal saber mais sobre isso e conferir como utilizar essas informações para o seu sucesso?

A Psicologia Positiva

Como você sabe, a Psicologia é a ciência que estuda as emoções e os comportamentos humanos. Ela tem várias vertentes que focam em aspectos diferenciados da vida, afinal, as pessoas são muito complexas e são necessários esforços científicos igualmente complexos para compreender seus processos.

A Psicologia Positiva é uma dessas vertentes de estudo e seu foco é compreender os elementos positivos e saudáveis das pessoas e de seus grupos sociais. Então, enquanto algumas áreas da ciência pesquisam mais profundamente as questões ligadas às doenças e aos sofrimentos psíquicos, ela se dedica ao caminho oposto.

Isso oferece uma riqueza à Psicologia em geral, pois se torna possível produzir conhecimento sobre as diversas nuances da vida. No entanto, é importante destacar que a Psicologia Positiva é um campo da ciência. Logo, ela está ancorada em estudos sérios e não funciona a partir de pressupostos simplistas, como a máxima “pense positivo”.

Um dos principais objetivos desse campo científico é analisar como os eventos positivos acontecem e de que forma as pessoas desenvolvem sentimentos saudáveis — como a alegria, a gratidão, a resiliência, o otimismo, a autoconfiança etc. Compreendendo isso, é possível planejar maneiras de incentivar essas qualidades.

O primeiro teórico da Psicologia Positiva foi Martin Seligman. A motivação dele em começar estudos nessa área se deu por perceber que havia muitas informações sobre estados depressivos, mas pouca sobre o que faz as pessoas felizes. Assim, ele iniciou sua teoria na década de 1970.

Os elementos da Psicologia Positiva: PERMA

A teoria da Psicologia Positiva se baseia em um modelo, criado por Seligman, com 5 principais elementos que produzem bem-estar. Eles foram reunidos na sigla PERMA, que traduzida para o português, diz respeito a:

  • emoções positivas;

  • engajamento;

  • relacionamentos;

  • propósito;

  • realizações.

Emoções positivas

Com o elemento das emoções positivas, o psicólogo defende que o esforço para nutrir sentimentos bons gera reações corporais que facilitam o dia a dia e promovem felicidade. Isso acontece porque hormônios ligados ao bem-estar, como a dopamina e a ocitocina, são liberados.

Engajamento

O engajamento chama a atenção para o grande diferencial que acontece na vida quando a pessoa se envolve por completo em algo que faz. A satisfação com o trabalho e com outras atividades gera o sentimento de felicidade, aumentando a concentração e a possibilidade de sucesso.

Relacionamentos

Já o aspecto do relacionamento se refere à necessidade que o ser humano tem de se conectar com outras pessoas. A Psicologia Positiva afirma que quanto mais positivos forem seus vínculos interpessoais, mais feliz você se sentirá.

Propósito

O propósito é considerado um dos principais motivadores dos seres humanos. Ele possibilita que uma pessoa saiba o que deseja ser e fazer na sua vida. Dessa maneira, suas ações serão mais organizadas e efetivas. Enquanto isso, quem não conhece seu propósito pode se sentir perdido e com poucas alegrias na rotina.

Realizações

Por fim, o elemento das realizações tem ligação com a conquista de objetivos e metas. Cada realização gera alegria e motivação para as próximas. Assim, ser capaz de conquistar o que busca — e reconhecer isso — é um fator positivo para continuar alcançado o sucesso.

As vantagens de aplicar a Psicologia Positiva

A aplicação da Psicologia Positiva na sua rotina permite estar em contato com emoções saudáveis e buscar, de maneira mais ativa, o seu bem-estar. Isso é fundamental nos dias atuais, pois muitas vezes a rotina intensa de trabalho gera estresse e outras reações negativas.

A Psicologia Positiva possibilita que você mude o foco, ou seja, em vez de se entregar a emoções negativas e se desestimular cada vez mais, é possível identificar como se sente e se esforçar para nutrir as sensações mais positivas, aumentando o nível de alegria e satisfação.

Se na vida pessoal isso gera uma grande diferença, no aspecto profissional você sentirá ainda mais o impacto: aumentar o bem-estar psicológico tem consequências nas reações corporais, deixando a pessoa mais disposta, concentrada e criativa. Com isso, a produtividade também aumenta.

Além disso, sentimentos de confiança e autoestima ajudarão a melhorar o seu desempenho no trabalho. As relações interpessoais são outro fator em que a aplicação da Psicologia Positiva faz diferença: como a felicidade e a motivação são contagiosas, suas ações podem impactar toda a equipe.

Dicas para aplicar a Psicologia Positiva no trabalho

Tem interesse nos conhecimentos da Psicologia Positiva? Algumas orientações práticas dessa área podem ajudar muito no ambiente profissional. Confira dicas para alcançar o sucesso utilizando a Psicologia!

Conheça suas competências

Não é raro que profissionais estejam sempre focados nos pontos em que precisam melhorar. Infelizmente, muitos gestores e colegas de trabalho também têm esse foco quando passam feedbacks. Entretanto, é importante saber que reconhecer as qualidades em si e nos outros apresenta muito mais potencial para melhorar o rendimento.

A primeira dica para aplicar a Psicologia Positiva no trabalho e obter mais sucesso é reconhecer suas competências. Você já pensou que pode se esforçar para ficar ainda melhor nelas? Estabelecer o objetivo de melhorar o que já é bom é mais efetivo do que se preocupar em corrigir pontos fracos.

Busque uma rotina saudável

Nem sempre é simples alcançar o bem-estar no trabalho. Afinal, é inegável que os ambientes corporativos apresentam desafios, fontes de estresse, conflitos etc. Por isso, é fundamental que você procure meios de manter uma rotina saudável.

Isso inclui, por exemplo, realizar atividades físicas frequentemente, ter momentos de lazer, fazer pequenas pausas durante o horário de trabalho, aprender a manejar o estresse etc. Lembre-se: sentimentos bons são contagiosos. Então, pode ser difícil no começo, mas logo você sentirá as consequências positivas.

Invista em relacionamentos

Pouquíssimos profissionais trabalham sozinhos. De forma geral, é preciso se conectar com diversas pessoas durante sua carreira. Sendo assim, investir nos relacionamentos positivos é indispensável para o seu bem-estar.

Uma dica nesse sentido é praticar a gratidão. Reconhecer pontos positivos nos seus colegas e comunicar isso a eles é uma maneira muito efetiva de construir bons vínculos e criar um ambiente de trabalho saudável para todos.

Ao compreender os sentimentos positivos e saudáveis das pessoas, a Psicologia Positiva faz com que elas vivam com mais felicidade e encontrem sucesso em suas carreiras. Coloque essas dicas em prática e aproveite os efeitos positivos tanto na sua vida pessoal quanto na profissional!

Gostou de saber mais sobre o assunto? Quer acompanhar mais conteúdos como este? Assine nossa newsletter!

Facebook Comments