Use sua nota do ENEM e ganhe 50% de desconto na matrícula.Powered by Rock Convert

A pós-graduação é o caminho certo para alavancar a carreira e conseguir se destacar no mercado. Por isso, atualmente, quem termina a graduação já sai pensando em se especializar.

Essa etapa dos estudos tem seus desafios, e um deles consiste em ter uma rotina profissional e precisar abrir espaço para o novo curso. A dúvida que surge, então, é de que maneira aumentar a produtividade acadêmica sem comprometer as atividades cotidianas.

Para resolver essa questão, selecionamos 5 dicas práticas que vão auxiliá-lo a fazer o seu curso com toda tranquilidade. Acompanhe!

1. Organize sua rotina

Uma das principais dificuldades da vida de estudante é conciliar os estudos com as outras demandas do dia a dia. Diante de tantas responsabilidades, a sensação é que o dia tem mais compromissos do que horas para executá-los.

Estudos, carreira e vida social. Com tantos compromissos, há o risco de se atrapalhar na execução de alguma atividade. Quando tal situação acontece, é comum precisar fazer trabalhos de última hora e comprometer sua qualidade.

Para evitar esse tipo de problema, organize e cumpra um cronograma que envolva todos os momentos da sua rotina. Anote os horários e as atividades a serem realizadas.

Desse modo, você vai registrar a hora em que pretende acordar, o período de trabalho, das aulas da pós-graduação e dos momentos de estudar. Esse autêntico panorama vai mostrar a você como está cada um de seus dias, e fornecerá subsídios para a otimização do seu tempo.

Organizar a rotina ajuda a combater o principal obstáculo que se enfrenta ao buscar o aumento da produtividade: a procrastinação.

2. Evite a procrastinação

Essa inimiga número 1 de quem deseja aumentar a produtividade é uma vilã que não hesita em jogar pesado. Escondida nas mais inocentes práticas, ela rouba preciosos minutos e até mesmo valiosas horas inteiras. Como esse tempo perdido não pode, de jeito nenhum, ser recuperado, o prejuízo provocado pela procrastinação é enorme.

Para fugir dessa enrascada, mantenha afastado tudo que não tiver ligação com o seu objetivo de maior produtividade nos estudos — o que inclui aplicativos de mensagens, redes sociais, a temporada da série favorita e tudo mais que tome tempo e não contribua para o atingimento da sua meta.

Quanto mais você conseguir fugir dessas tentações, melhor será seu aproveitamento na pós-graduação. Lembre-se de que você planejou a sua rotina; sendo assim, trata-se de você exercitar a capacidade de se dedicar por inteiro, sem interrupções ou distrações, a cada compromisso estabelecido no seu cronograma.

Para isso, na hora estabelecida para estudar, procure deixar o celular no modo silencioso ou fora do alcance das mãos. Assim, você aumenta a sua capacidade de não se deixar levar pelas notificações de mensagens. Também evite fazer pausas para dar uma espiadinha rápida nas redes sociais, pois elas podem se transformar em muito tempo perdido.

3. Determine prioridades e tenha foco

No seu cronograma você vai ter trabalhos, seminários e provas, uns mais próximos, outros com datas mais distantes. Para elencar as prioridades, atente ao que vem primeiro e concentre seus esforços nessa tarefa.

Faça uma estimativa de quanto tempo precisa dedicar a cada conteúdo, a fim de dividir as demandas pelos dias da semana. Dessa maneira, é possível reservar tempo suficiente para trabalhar todas elas com igual atenção, sem deixar pendências.

Por exemplo, se você tem necessidade de estudar quatro horas para se sentir preparado para realizar uma prova, faça disso um compromisso. Cada trabalho do bimestre também deve ter um lugar marcado no seu cronograma e o tempo previsto para realizá-lo. Desse modo, será possível evitar que as obrigações com o curso virem urgências — ou pior ainda: dependências.

Usar esse método, além de aumentar sua produtividade, vai ajudar a manter o foco, pois evita pular de uma tarefa para outra, deixando várias inacabadas para trás. Sem “pulverizar” a atenção entre diversas ocupações simultâneas, você elimina atrasos e eleva o nível de concentração.

4. Saiba conciliar vida profissional e acadêmica

Dividir o tempo entre o trabalho e a pós-graduação não costuma ser a mais fácil das tarefas, mas está muito longe de ser inviável. De qualquer forma, a rotina fica apertada quando já se tem uma jornada de trabalho extensa a cumprir, e a ela se somam os trabalhos e as avaliações da especialização.

Nesse caso, é comum ter a impressão de que o cotidiano virou uma roda-viva somente de obrigações, com poucas alternativas para manter o equilíbrio. A saída para essa dificuldade está em seguir rigorosamente o cronograma estipulado, conforme recomendamos.

Por reunir anotações sobre os horários de trabalho e dos estudos, ele servirá de guia para sua rotina ser plenamente produtiva. Lógico que encerrar o expediente todos os dias na hora planejada nem sempre depende de você. Há ocasiões em que é preciso abrir mão dessa rigidez, para atender a demandas profissionais.

O mesmo se dá com o calendário acadêmico, principalmente em trabalhos em grupo, quando algum membro deixa sua parte para os demais. Nesse caso, flexibilizar passa a ser a única alternativa para que tudo saia conforme o esperado.

Em ambos os casos, é importante manter a calma e compensar a correria depois, para não levar o corpo e a mente a um estado de esgotamento.

5. Tenha momentos de lazer e descanso

No tópico anterior, alertamos sobre um dos males que mais afetam quem vive às voltas com diferentes deveres ao mesmo tempo: o esgotamento. Primo-irmão do estresse, ele se instala aos poucos, e entre as causas está o desequilíbrio no uso do tempo.

Portanto, nada de fazer do dia a dia uma verdadeira maratona: dar o ritmo certo a sua vida é fundamental para tudo funcionar bem e sair como você pretende. Isso quer dizer que seus diferentes aspectos devem estar organizados e alinhados.

Nesse sentido, a vida profissional, acadêmica e pessoal devem ser alvos de atenção equivalente. Quando pós-graduação e profissão estão em andamento, é comum observar a tendência de direcionar mais esforços aos estudos e ao trabalho, deixando de lado passeios, interações sociais e tudo mais que dê prazer.

À primeira vista, e durante certo tempo, esse ritmo pode parecer o ideal, mas, dificilmente é sustentável por longos períodos. Para o saldo dessa empreitada ser positivo, é necessário lembrar que suas necessidades vão além de trabalhar e estudar. Elas incluem descansar, ter convívio social e familiar, além de momentos dedicados à diversão — elementos indispensáveis ao bem-estar e à saúde de um indivíduo.

Viu só como é possível aumentar a produtividade a partir da otimização do tempo e de organização, sem a necessidade de fazer mudanças radicais no dia a dia? Seguir as dicas acima é uma estratégia inteligente para administrar sua rotina, dando ênfase à produtividade.

Essas soluções, bem como acertar na escolha do curso e da faculdade, são maneiras eficazes de se livrar das perdas de tempo. Afinal, sua dedicação e empenho vão dar melhores resultados se forem bem gerenciados e se você tiver o apoio da instituição mais adequada aos seus estudos de pós-graduação.

Quer conhecer algumas possibilidades de especialização? Acesse agora o guia da pós-graduação da UCEFF!

Facebook Comments