Foi-se o tempo em que aprender sobre idealização, planejamento e produção de videoaulas era algo restrito para os profissionais de audiovisual. Com o avanço da internet e a variedade de tecnologias disponíveis ao nosso alcance é cada vez mais comum encontrar interessados no assunto dispostos a se aprofundar e se qualificar nesse processo.

Pensando nisso, preparamos um post especial que explica por que vale a pena apostar nessa tendência, trata da importância de se capacitar para elaborar um conteúdo de ponta e, de quebra, traz dicas de como potencializar a qualidade do seu material. Acompanhe!

Por que apostar na produção de videoaulas pode ser proveitoso?

Produzir videoaulas pode ser, sem dúvidas, uma excelente oportunidade para você. Isso porque, a cada ano, o mercado educacional incorpora mais e mais o ensino a distância na realidade de milhares de brasileiros. Prova disso é que, além das modalidades de graduação e pós-graduação EAD, se tornou corriqueiro se deparar com cursos online que preparam estudantes para ter um aproveitamento melhor no ensino médio, para ser aprovado no vestibular e passar em concursos públicos.

Isso sem falar, é claro, daqueles indivíduos que se tornam produtores de conteúdos para o Youtube e criam canais segmentados para nichos, especialmente entre os jovens — algo que se popularizou bastante nos últimos anos. Ou seja, há um público vasto buscando um serviço diferenciado e realmente eficaz que pode proporcionar a você não só uma renda extra para complementar o seu orçamento, como também uma guinada na carreira e uma nova atuação profissional.

Qual a necessidade de se preparar para fazê-las?

O motivo para você se preparar e se capacitar para a produção de videoaulas é bem simples: por ser uma área de mercado em expansão e com um número cada vez maior de profissionais trabalhando com ela, as pessoas buscam aqueles produtores que fazem um conteúdo de qualidade e que se destacam entre a maioria — e isso não é à toa.

Afinal, além de dedicar parte do próprio tempo para acompanhar os seus vídeos, muitas delas vão pagar para ter acesso completo ao material. Tudo isso a fim de aprender de maneira mais dinâmica, flexível e personalizada. Portanto, é fundamental elaborar videoaulas bem elaboradas para mostrar que você está apto a atender essas necessidades e fazer valer o investimento dos seguidores.

Como elevar a qualidade das videoaulas?

Para encerrar, reunimos algumas dicas simples — porém, indispensáveis — que vão ajudar você a ter uma produção de videoaulas de excelência, com qualidade audiovisual, bom posicionamento diante das câmeras, didática otimizada e conteúdo atualizado e claro para o seu público. Curioso para saber mais? Então confira quais são elas!

Invista em bons equipamentos

A primeira delas é investir em um equipamento que permita não só a gravação de vídeo, como também a captação de áudio de maneira funcional, prática e eficiente. Afinal de contas, o material elaborado deve ter um bom apelo audiovisual para chamar (e principalmente manter) a atenção dos futuros espectadores das suas aulas virtuais.

Por isso, o recomendado é ter um microfone — que pode ser tanto de lapela quanto direcional — e uma câmera com configurações mínimas de 720p para vídeo — que é o padrão HD. Para complementar o seu material, você pode adquirir:

  • um tripé ajustável para posicionar a câmera;

  • um kit de iluminação com flashes, refletor e sombrinha difusora para ajustar o equilíbrio de luz e sombra nas gravações;

  • um fundo verde (o famoso Chroma Key) para edição de vídeos em softwares.

Escreva um roteiro

Por melhor que seja a sua memória e a sua capacidade de improvisar, o ideal é que todas as suas videoaulas sejam roteirizadas. Ou seja, que elas tenham um cronograma de longo prazo sobre o que será abordado em cada uma delas. A gente sabe que a princípio isso pode parecer cansativo, mas acredite: é um hábito que faz toda a diferença!

Basta ter em mente que os conteúdos ficam mais bem organizados de acordo com o tempo de cada gravação, os assuntos podem ser divididos por níveis de dificuldade e ainda dá para manter a linha de raciocínio durante as explicações das matérias. Ah, caso queira, também é possível fazer um roteiro das suas falas.

Atente à sua desenvoltura

Outra dica relevante é ficar atento ao seu comportamento em frente às câmeras, pois é preciso passar segurança naquilo que se afirma, não demonstrar timidez, ter domínio do assunto tratado e saber explicar conceitos e teorias, por exemplo, de forma clara e objetiva.

Para tanto, treinar a própria desenvoltura é essencial, especialmente quando se trata da oratória, da postura corporal e das expressões gestuais e faciais. Há workshops, oficinas e treinamentos tanto presenciais quanto virtuais capazes de ajudá-lo nessa missão e contribuir para que a sua performance seja cada dia melhor. Por isso, não deixe de pesquisar a respeito!

Não abra mão de se aperfeiçoar

Por último, não deixe de continuar estudando, seja fazendo uma graduação, seja fazendo uma pós-graduação, para se atualizar, se aperfeiçoar e entender melhor as novidades do mercado.

Além disso, procure uma faculdade que vá além dos cursos regulares e disponibilize também cursos de extensões que estão alinhados com as tendências tecnológicas e socioculturais atuais, tornando, assim, a sua formação mais diversificada e rica em experiências.

A UCEFF, por exemplo, mais uma vez mostra que está na vanguarda do ensino superior brasileiro e sai na frente de diversas instituições do ramo. Sempre pensando em promover um desenvolvimento multifacetado dos alunos, ela oferece 16 cursos gratuitos que podem dar uma alavancada no seu currículo.

Entre essas opções, estão três que vão expandir o seu conhecimento sobre as ferramentas necessárias para a produção de videoaulas e um, em especial, que vai dar a você uma visão empreendedora para tornar isso uma fonte de renda ou até mesmo iniciar um negócio lucrativo e promissor nesse ramo. Veja quais são eles:

  • gravação de videoaulas com aTube Catcher;

  • criação de vídeos animados com PowToon;

  • uso de Office Mix para produção de apresentações interativas;

  • empreendedorismo.

Como você viu, saber como se dá a produção de videoaulas pode abrir muitas portas para o seu futuro profissional, sendo, inclusive, uma nova carreira bastante promissora. Por isso, vale a pena seguir as nossas dicas para ter um material eficiente e de qualidade que conquiste o seu público-alvo e, inclusive, se torne referência na área escolhida.

E se você quer saber mais sobre como a faculdade pode prepará-lo para uma atuação diversificada no mercado de trabalho, já sabe: assine a nossa newsletter e confira nossos conteúdos exclusivos!

 

Facebook Comments