O Ensino Médio é mesmo um período de muitos desafios. Além da pressão de escolher o futuro profissional, os estudantes precisam dar conta de conciliar escola e vestibular sem perder a qualidade em nenhuma das duas esferas — e ainda ter vida social!

Sim, nós sabemos: quem começa o 3º ano do Ensino Médio parece, muitas vezes, estar em um pesadelo — e a sensação é de que não dá para fazer tanta coisa em tão pouco tempo. Mas, calma! Com muita organização e fazendo escolhas inteligentes, é possível passar por todas essas etapas.

Quer saber quais são as nossas dicas para conciliar escola e vestibular, arrasando nos dois e com tranquilidade? É só seguir a leitura deste artigo!

Defina prioridades

Para aliar escola e preparação para o vestibular, você deve usar o tempo, seu maior inimigo, ao seu favor. O que isso significa? O ano letivo passa depressa, então, você deve otimizar sua organização do tempo para conseguir fazer tudo.

E qual é o segredo do sucesso? Definir prioridades. Parece banal, mas quantas vezes você se pega gastando tempo e energia com algo que não vai agregar nada na sua nota escolar ou nos seus estudos rumo à faculdade?

Não é preciso sacrificar o lazer — ele é importante! — mas é necessário definir seus horários. A saída com os amigos ou o descanso só pode ser desfrutado depois que você tiver feito tudo o que foi definido para aquele período (dia, semana ou mês). Dessa forma, você consegue alcançar seus objetivos prioritários.

Já pensou que frustração você passar no vestibular, mas não concluir o 3º ano? Portanto, as duas missões são prioridades e precisam caminhar juntas.

Tenha horários bem definidos

As prioridades foram definidas, certo? Para dar conta de fazer tudo com qualidade, você precisa dividir o seu dia de maneira inteligente, definindo horários para cada atividade e cumprindo as obrigações com pontualidade.

Ok, parece chato, não é? Mas é mais chato ainda dar de cara com a reprovação no Ensino Médio ou no vestibular por não ter se dedicado o bastante. Por isso, liste tudo o que precisa fazer no dia, distribua as atividades e programe alarmes no celular para não se perder.

Acordar, tomar café, estudar, almoçar, ter uma pausa para descansar e por aí vai. Não deixe nada de fora. Assim, seu dia rende bem mais.

Crie um calendário com datas importantes

São muitas as responsabilidades no Ensino Médio, e você, com certeza, não quer perder nenhuma data importante. Por isso, crie um calendário com as datas já marcadas das provas, simulados, trabalhos a entregar, inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), entre outras.

Se você funciona melhor virtualmente, pode usar o Google Calendar para organizar os compromissos. Caso prefira um arquivo físico, imprima uma lista com as datas e use cores diferentes para categorizar as prioridades e assuntos.

Ah, mas recomendamos que deixe sempre o seu calendário à vista! Cole na parede no quarto ou deixe no plano de fundo da área de trabalho, mas certifique-se de conferir sempre esse documento. Para garantir, programe alarmes para as datas mais importantes.

Adote mecanismos para facilitar a rotina de estudos

Acredite: a mente humana é rainha da autossabotagem quando o assunto é estudar. Isso quer dizer que, inconscientemente, você vai encontrar diversas desculpas para não seguir com sua rotina de estudos da maneira correta.

Para prevenir que isso aconteça, adote alguns mecanismos e estratégias. Uma forma eficiente é separar um dia da semana para cada matéria, durante todo o ano. Assim, você cria uma rotina de maneira natural e disciplinada. Segunda é o dia de História, terça de Matemática e assim por diante.

Utilize a técnica Pomodoro para realizar as tarefas de modo eficiente e sem cansar o cérebro. Lembre-se também de procurar um local silencioso, bem iluminado e arejado para estudar. Ah, e bem longe de tudo aquilo que pode causar distração, como TV, notebook, tablet, celular e videogame.

Não assuma muitos compromissos

No 3º ano do Ensino Médio, suas metas são 2: concluir o ano letivo com aprovação e passar no vestibular. Todos os compromissos que não contribuírem para o sucesso desses objetivos deverão ser repensados.

Você sempre fez aula de instrumento musical duas vezes na semana? Legal, mas que tal reduzir para um dia por semana nesse período? Assim, você mantém a atividade prazerosa (o que é necessário), mas não deixa que ela ocupe tempo demais do seu cronograma.

Atividades físicas são essenciais para evitar o estresse e manter a saúde física e mental. Fazendo três vezes na semana uma modalidade mais completa, como natação, luta ou dança, os resultados para o bem-estar são melhores.

Mas tome cuidado para não pegar mais coisas para fazer do que dá conta, como participar da comissão de formatura ou se envolver em projetos paralelos. Tenha foco!

Relacione a matéria da sala com o vestibular

Para que seus estudos sejam mais proveitosos, a dica é associar a matéria vista em sala com os conteúdos cobrados no vestibular — e não estudar como se fossem duas coisas completamente distintas. Por isso, dedique mais tempo aos tópicos em comum. Dessa maneira, você vai otimizar seu tempo e poderá ver sentido tanto no que estuda na escola quanto no que o vestibular exige.

Faça as provas e simulados dos anos anteriores

Uma das melhores formas de estudar para o vestibular é fazer todos os simulados possíveis ofertados pela escola ou cursinho. Assim, você domina o estilo de prova e percebe em quais pontos precisa concentrar mais esforços — além de memorizar quais são as fórmulas mais cobradas nas provas de matemática e física, por exemplo.

Crie o hábito de fazer as provas e simulados dos anos anteriores, que podem ser facilmente encontrados na internet. De preferência, simule a situação real do teste: o tempo de duração do exame, em um ambiente silencioso, sem consulta e sem contato com pessoas. Dessa maneira, você prepara o seu cérebro para se concentrar melhor no dia da prova e o seu corpo para lidar com a situação de pressão.

Tire proveito dos eventos, visitas e feiras de profissões

Alguns dos melhores momentos para sentir o que é a vida acadêmica são os eventos temáticos, as feiras de profissões e as visitas guiadas às faculdades. Isso porque você se acostuma aos poucos com aquele universo e ele deixa de ser amedrontador.

Costumamos ter mais medo daquilo que não conhecemos, certo? Sabendo o que espera por você no Ensino Superior, você desmistifica o processo seletivo e se dá conta de que praticamente todo mundo já esteve nessa situação. Ao encontrar presencialmente com os profissionais e estudantes, vale pedir dicas para a faculdade e até mesmo para o período do vestibular.

E então, gostou das nossas dicas para conciliar escola e vestibular com qualidade? Temos certeza de que, seguindo nossas orientações, o Ensino Médio será bem mais tranquilo e sem surpresas desagradáveis.

Tem amigos e amigas passando pela mesma situação? Que tal compartilhar este artigo nas suas redes sociais?

Facebook Comments