Ao escolher a carreira de dentista, você terá várias opções de caminhos profissionais para seguir. Isso porque as áreas de atuação em odonto abrangem desde os cuidados fundamentais com a saúde bucal até investigar a identidade de uma pessoa a partir da arcada dentária.

Estética e implantação de próteses são mais alternativas para especialistas, como você vai ver a seguir, ao conhecer as 10 principais pós em odontologia!

1. Cirurgia geral

Dentre as áreas de atuação em odonto, essa é a especialidade que habilita o profissional a executar procedimentos preventivos e curativos da boca e dos maxilares. Portanto, quem cursa especialização em Cirurgia Geral se prepara para atender quem precisa tratar cáries, fazer extrações e a limpeza da dentição.

Mais cuidados prestados por esse especialista estão relacionados à língua, bochechas, gengivas e lábios. Cirurgias simples e exame de radiografias estão entre as atividades a cargo do cirurgião geral.

2. Odontopediatria

Essa especialidade fornece formação técnica e científica para o dentista diagnosticar, prevenir, tratar e controlar os problemas de saúde bucal do bebê, da criança e do adolescente.

Uma pós em odontopediatria prepara também à efetiva atuação em educação para a saúde bucal. Dessa maneira, o odontopediatra participa desde o pré-natal odontológico das gestantes até a orientação da escovação nos primeiros anos de vida, passando por tratamentos restauradores e curativos.

3. Endodontia

O dentista que cursa especialização em endodontia se qualifica a tratar das alterações na estrutura interna do dente — polpa dentária — e nas raízes da dentição. Então, é trabalho desse profissional fazer tratamento de canal, bem como analisar comprometimentos que atinjam nervo e raiz dos dentes.

A importância da atuação desse especialista inclui prevenção de doenças cardíacas, musculares e cerebrais, já que dentes com polpa contaminada representam alto risco à saúde com um todo.

4. Ortodontia

O foco do ortodontista é realizar a correção da posição da arcada dentária e consequente solução dos problemas associados a dentes e ossos maxilares. A finalidade desse trabalho vai muito além da estética, pois dicção, fala e respiração apresentam alterações devidas ao posicionamento da dentição e maxilar.

Para corrigir as irregularidades, melhorar as funções da boca e eliminar as dificuldades que provocam, o ortodontista utiliza aparelhos ortodônticos. Fazer planejamento do tratamento ortodôntico, prevenir deformações e acompanhar o desenvolvimento da dentição e do aparelho mastigatório são mais atribuições desse profissional.

5. Odontologia do trabalho

Essa especialidade objetiva melhorar a saúde bucal nas organizações, com isso, evitar doença que prejudiquem o trabalhador e o desempenho das suas atribuições. Para atingir essa meta, o especialista em odontologia do trabalho busca reconhecer e prevenir fatores de risco, por meio de campanhas e programas de educação em saúde.

Os conhecimentos técnicos e científicos do cirurgião-dentista do trabalho tornam o profissional apto a realizar exames odontológicos com finalidade trabalhista, como admissional e demissional, entre outros mais.

6. Implantodontia

Com os constantes avanços na área, a implantodontia é uma das carreiras mais promissoras em odontologia. As funções centrais do desse profissional são: realizar cirurgias, preparar o tecido ósseo e realizar implantes de próteses — que podem ser fixas ou removíveis.

Suas competências permitem que atue no diagnóstico da parte óssea dos maxilares e na análise de comprometimentos das mucosas bucais. Entre suas habilidades contam ainda o domínio de técnicas cirúrgicas e de procedimentos laboratoriais relativos às diversas modalidades de próteses.

7. Saúde coletiva

O profissional especializado em saúde coletiva e da família atua preventivamente e no combate aos problemas de saúde bucal das populações. A pós-graduação na área prepara o dentista para exercer atividades em unidades de saúde, como postos públicos, convênios e cooperativas.

As aptidões adquiridas em sua formação qualificam esse profissional a ocupar cargos de gerência em variados setores, entre eles, na administração de saúde pública.

Exercer atividades em órgãos como a Vigilância Sanitária, ser atuante no controle das doenças que atingem as comunidades, desenvolver e participar de ações de educação em saúde pública estão entre as competências inerentes à carreira.

8. Odontologia estética

Mais uma das áreas de atuação em odonto que está em plena expansão e evidência, a odontologia estética agrega as muitas especialidades odontológicas para promover, ao mesmo tempo, saúde e estética bucal.

Com vistas a esse resultado, o especialista planeja e realiza tratamentos, articulando seus conhecimentos ao uso das novas tecnologias e materiais. Desse modo, faz tratamentos restauradores, protéticos e cirúrgicos, para alcançar a reabilitação oral e o bem-estar do paciente.

O campo de atuação desse profissional é composto por consultórios, clínicas odontológicas e estéticas, além de convênios.

9. Radiologia odontológica e imaginologia

A pós-graduação nessa área prepara os cirurgiões-dentistas para utilizar técnicas radiográficas intra e extrabucais na análise da anatomia do complexo maxilo-mandibular.

Esse método de investigação, ao empregar diferentes exames de imagem e softwares especializados, serve como ponto de partida a diagnósticos precisos.

As responsabilidades desse especialista incluem elaborar laudos que viabilizam tomadas de decisão pelos demais profissionais da odontologia. No que se refere ao campo de trabalho, a formação em radiologia odontológica e imaginologia prepara para atuar em centros de diagnóstico por imagem, consultórios e equipes médicas de diagnóstico.

10. Odontologia legal

A área é recente e está em plena expansão, embora não seja das mais conhecidas. Ela visa à elaboração de exames e perícias judiciais, que resultam em laudos técnicos e atestados.

Análise, perícia e avaliação de arcadas dentárias, para identificação da identidade em condições que impedem seu reconhecimento, é um exemplo do trabalho destinado a quem tem formação em odontologia legal.

Esse profissional é denominado odontolegista e seu trabalho é executado em universidades, convênios odontológicos e institutos de Medicina Legal. Prestar consultoria e a atuar como autônomo são mais possibilidades da carreira.

Como você pôde ver, as áreas de atuação em odonto abrangem variadas possibilidades. Esse vasto campo permite encontrar as práticas que mais se encaixam com os variados perfis profissionais. Por isso, facilita alinhar afinidades, potencial de ganhos financeiros e expectativas de crescimento na carreira. Mas não se esqueça: ao decidir pelo curso superior, escolha a faculdade certa. Só com esse cuidado é possível garantir um futuro com sólidas perspectivas de sucesso!

Que tal receber outros conteúdos como este e estar sempre por dentro das novidades? Assine a nossa newsletter e fique sabendo das publicações que mais interessam a você, estudante!

 

Facebook Comments