Seu sonho sempre foi trabalhar com tecnologia? Você fica com os olhos brilhando quando pensa em ter uma rotina de trabalho cheia de computadores, dados e desafios? Pode ser que seu destino seja a carreira em Tecnologia da Informação, uma área muito valorizada no mercado de trabalho.

Mas a velha imagem que muitas pessoas ainda guardam do profissional de TI como um nerd introspectivo que fica sozinho em uma sala, apenas com a tarefa de ser genial, está bem longe da realidade atual das empresas. Cada vez mais se espera criatividade, bom relacionamento interpessoal e visão estratégica do negócio de quem tem formação nessa área. Conhecimento técnico, apesar de fundamental, não é mais o bastante.

Isso porque novas tecnologias trazem consigo a necessidade de mudança nos processos. Quem trabalha diretamente com elas está ainda mais exposto a essas oscilações e precisa ter uma capacidade de adaptação rápida para se ajustar às novas situações. O aumento da presença de inteligência artificial nos processos da Indústria 4.0, por exemplo, impõe novas dinâmicas ao profissional de TI.

Você pensa em estudar para atuar em infraestruturas/redes/sistemas, suporte, gestão de banco de dados e segurança da informação? Vamos te ajudar a entender o perfil para trabalhar com tecnologia que o mercado espera!

Capacidade de gerenciamento de projetos

A capacidade de gerir projetos, desde sua concepção até execução e análise de resultados, está entre as habilidades mais celebradas no mercado de trabalho. E isso não poderia ser diferente para os profissionais da tecnologia.

Não basta mais saber cumprir protocolos: é preciso entender cada ação da rotina de trabalho como um passo para alcançar objetivos maiores de projetos dentro da empresa. E essas iniciativas, não raro, começam e nunca terminam ou apresentam falhas na execução, por falta dessa capacidade de gestão. Melhor não entrar para essa estatística, não é mesmo?

Flexibilidade

Não há mais espaço, em um mercado tão competitivo, para profissionais engessados, que se apegam a antigos processos com rigidez e não experimentam novas abordagens em TI. O cotidiano profissional é cheio de imprevistos, emergências, mudanças de planos.

Para encarar isso, é preciso ter flexibilidade e uma boa dose de adaptabilidade. Portanto, saiba que um profissional de tecnologia também deve saber improvisar, mas sem perder a qualidade.

Criatividade

Junto com a flexibilidade, está a criatividade. Se a tendência é que os processos de TI estejam em constante transformação, cabe ao profissional explorar novos caminhos para encontrar novas soluções.

A famosa zona de conforto só prejudica o trabalho de quem atua com tecnologia, pois o apego a ela faz com que sua rotina de trabalho seja conformista. Para fazer mais do mesmo, já existe uma fila de profissionais, certo?

Iniciativa e proatividade

Essas são duas outras características essenciais para trabalhar com tecnologia e muitas vezes negligenciadas pelos profissionais. Não basta esperar as demandas caírem no colo para só então pensar nas soluções.

Quem é da área da tecnologia precisa ter a capacidade de perceber certas tendências e padrões para antecipar problemas e criar soluções. As empresas não só admiram pessoas com esse perfil, mas também fazem de tudo para tê-las e mantê-las na equipe.

Bom relacionamento interpessoal

Se você um dia pensou que trabalhar com tecnologia te livraria da interação com outras pessoas, se enganou. Qualquer função executada em uma empresa só pode funcionar se existir interação entre membros da equipe, entre áreas, entre o cliente (a organização) e o prestador de serviços (você).

Um bom relacionamento interpessoal também está associado à inteligência emocional, algo cada vez mais pedido no mercado, e uma exigência se você quer vir a liderar uma equipe um dia. É preciso entender as pessoas, seus anseios e especificidades, e lidar com tudo isso usando muito jogo de cintura.

Boa comunicação

Não adianta você ter um alto nível de conhecimento técnico se não souber se comunicar de maneira satisfatória. No ambiente de trabalho, isso quer dizer: de maneira objetiva, completa, compreensível e respeitosa. Esse conjunto vai gerar menos ruídos de comunicação, resultados mais precisos, agilidade nos processos (quem consegue executar uma tarefa a tempo só com metade do que precisa saber?) e menos desgastes.

Desde as reuniões habituais de uma empresa para intercâmbio de ideias e distribuição de tarefas até os e-mails enviados para informar outros colaboradores sobre questões relacionadas à área, um profissional da tecnologia precisa saber se comunicar.

Visão global e estratégica do negócio

Só consegue entregar um bom produto ou serviço aquele profissional que entende seu cliente. Por isso, quando você faz parte da área de TI de uma empresa, deve conhecê-la de maneira global. Quais são as atividades? Quem são os concorrentes? Que tipo de projetos estão implantando? Quais os erros que se repetem há ciclos, na sua área, dentro dessa organização? Quais são as maiores potencialidades e fraquezas dessa organização? Visão estratégica é tudo.

Com essa percepção, é possível criar soluções de tecnologia ainda mais customizadas, para atenderem às especificidades do negócio. Mais uma vez, o sucesso dessas soluções depende da integração com outros setores, o que faz as habilidades que já mencionamos acima saltarem aos olhos.

Atualização constante

Trabalhar com tecnologia, uma área tão mutável e dinâmica, pede atualização constante do profissional. TI está em alta há algum tempo e esse quadro não deve mudar, mas é preciso que você se prepare adequadamente para executar suas funções com o máximo de aproveitamento, entendendo e assimilando as tendências da área.

Por isso, além da graduação, você vai precisar investir em uma pós, cursos de aprimoramento, ir a palestras, workshops. Não apenas de aspectos técnicos da TI, mas também de conhecimento complementar, como noções de gestão e negócios. É aí que entra, também, o gosto pela profissão: para topar essa imersão, você precisa ser realmente apaixonado por tecnologia.

E então, você acha que tem as qualidades necessárias para trabalhar com tecnologia? Uma coisa é certa: em uma área com mudanças constantes, seu trabalho nunca vai se tornar entediante. Todo dia será dia de ter novas ideias de como melhorar os processos da empresa e a qualidade do seu trabalho.Legal, concorda?

Se você gostou do nosso artigo, que tal curtir nossa página no Facebook? Por lá, você vai ficar sabendo quando mais conteúdos como esse forem publicados!

 

Facebook Comments