Hoje, com a tecnologia, as facilidades de transporte e a velocidade da conexão nos ligam a muitos outros países, o que cria boas oportunidades de transações comerciais. Pensando nisso, se você atua em uma área relacionada, investir no MBA em Comércio Exterior é uma excelente escolha.

Durante o curso, que envolve Marketing, Administração, Relações Internacionais, Direito e Economia, dá para desenvolver conhecimentos e práticas em exportação, importação, comissárias de despacho, logística, agentes de cargas e trading companies.

Em 2018, de acordo com dados divulgados pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o Brasil foi o país que teve a maior taxa de crescimento na área de Comércio Exterior em comparação aos demais membros do G-20, grupo que reúne as maiores economias do mundo.

Quer saber mais sobre a especialização e garantir bons caminhos para seu futuro profissional? Então, continue a leitura de nosso artigo a seguir!

Quais são os objetivos de um MBA em Comércio Exterior?

Considerando-se a natureza da sigla MBA, que significa, em inglês, Master in Business Administration, a pós-graduação busca oferecer, a partir de uma perspectiva de negócios, conhecimento sobre normas internacionais e nacionais voltada a quem pretende fazer carreira internacional, alinhada às novas demandas do mercado de trabalho.

A qual público se destina?

São elegíveis para cursar o MBA em Comércio Exterior todos aqueles graduados na área de Ciências Sociais que desejam ingressar no setor.

Além disso, é a opção perfeita para quem já atua nele e quer enriquecer seu currículo, como profissionais de empresas exportadoras, importadoras, de logística, comissárias de despacho, agentes de carga e trading companies.

Quais são os principais temas abordados?

O MBA tem um grau de aprofundamento superior ao da graduação e apresenta, em sua grade curricular, disciplinas como:

  • Análise de custos e formação do preço de exportação;

  • Barreiras ao comércio internacional;

  • Cenários internacionais de negócios;

  • Direito internacional;

  • Gestão de logística internacional;

  • Tributação no comércio exterior;

  • Gestão de operações de exportação e importação;

  • Economia empresarial;

  • Supply chain ou gestão da cadeia de suprimentos internacional.

Assim, fica fácil compreender por que requer dos estudantes facilidade para estudar temas que envolvam Direito, Administração, Economia e Matemática.

Qual a importância do MBA em Comércio Exterior?

Agora que você já conhece mais sobre a área e sobre a grade curricular, talvez tenha se convencido de que essa é uma boa alternativa para seu perfil, certo? A fim de reforçar a importância da escolha, detalhamos alguns motivos a seguir.

Oportunidade de adquirir conhecimento aprofundado

Caso você tenha cursado outra graduação, diferente de Comércio Exterior, ainda que já atue na área, é provável que não tenha tido contato com conhecimentos que fazem a diferença no dia a dia de trabalho.

Além disso, questões mais complexas, como aquelas que envolvem Direito internacional, são simplificadas e apresentadas por quem é autoridade no assunto.

Escolher uma opção de MBA em que haja atualização de informações também assegura que se chegue ao mercado com conhecimentos relevantes, capazes de promover um diferencial à empresa.

Aumentar o networking

Durante a pós-graduação, além de todo o aprendizado proporcionado, há a oportunidade de fazer novos contatos profissionais. Seja com os professores ou com os colegas de curso, você conhece pessoas que já estão em contato com a área de trabalho e têm atuação relevante em Comércio Exterior.

Seja em atividades do dia a dia ou na discussão de temas de negócios em sala de aula, é possível trocar dicas, conhecer boas corporações para se trabalhar e assegurar recomendações de quem sabe que você é competente para progredir e obter chances em cargos de relevância.

Ampliar sua visão de negócios

Em um MBA, independentemente da área de sua escolha, a visão mais voltada ao mercado, ligada aos segmentos administrativo e gerencial, permite que entenda as dinâmicas dos negócios e leve esse tipo de experiência para toda a vida.

Isso ajuda a opinar em reuniões corporativas, a se posicionar diante de novos projetos e a ter mais firmeza ao realizar negociações, sejam elas de âmbito nacional ou internacional. Para quem tem perfil empreendedor, também pode ser um ótimo pontapé.

Propostas para crescer na carreira

Hoje, a média salarial de um especialista, de acordo com informações do site Vagas.com, é superior a R$7.000. A depender de seu nível de especialização, o valor pode ficar ainda melhor!

Além disso, com o MBA em Comércio Exterior, o profissional participa ativamente de decisões importantes em comércio e finanças internacionais. Ao dominar conhecimentos sobre as operações envolvidas na compra e venda de insumos entre países distintos, controle de todo o fluxo relacionado a embarque e desembarque dos produtos, despacho e legislação aduaneira, pesquisas de mercado, importações, exportações e transações que envolvem câmbio, torna-se elegível e atrativo para cargos de maior responsabilidade.

Em muitos casos, isso também representa vantagem competitiva para a empresa na qual já trabalha.

Como escolher o melhor MBA em Comércio Exterior?

Agora que você já se convenceu de que o MBA em Comércio Exterior é uma boa opção, é importante refletir sobre suas expectativas com o curso, sobre o tempo e sobre o orçamento que tem disponível para realizá-lo.

A depender do comprometimento de horas que seu trabalho proporciona durante a rotina e de outras atividades com as quais lida em seu dia a dia, vale avaliar opções semipresenciais, nas quais os encontros sejam quinzenais ou mensais, ou mesmo a distância.

Para qualquer alternativa, é essencial organizar um cronograma e definir um plano de estudos a fim de que consiga se comprometer com as leituras, atividades e quaisquer outras demandas do MBA.

Assim, ao final do período, será possível apresentar o melhor aproveitamento e aplicar todos os conhecimentos e contatos obtidos a favor da evolução em sua carreira.

Ao fim, como para outras opções de pós-graduação, dar início a um MBA em Comércio Exterior requer planejamento e organização. Dessa forma, em vez de criar mais uma obrigação para se tolerar na rotina, cria-se uma oportunidade de aprendizado prazerosa, com crescimento pessoal, intelectual e profissional.

Gostou de nosso artigo e quer conhecer os programas de MBA da UCEFF? Então, fale já conosco pelo nosso WhatsApp!

Facebook Comments