Você já deve ter ouvido que os estudos são a melhor forma para crescer na vida e ter um bom futuro, não é mesmo? De fato, não é à toa que muitas pessoas se dedicam intensamente para ingressar em uma faculdade. Elas fazem cursinhos, conciliam trabalho e estudo, treinam bastante e se esforçam ao máximo.

Mas, para passar na prova, além de muita dedicação, também é preciso planejamento e estratégia. Por isso, para que os esforços valham a pena e tragam resultados, vamos mostrar como os simulados de vestibular podem ser uma excelente ferramenta nesse processo. Entenda por que eles são tão eficazes e veja como tirar o máximo proveito desse método!

O que é um simulado de vestibular?

Os simulados são provas que, como o próprio nome diz, simulam os vestibulares. Ou seja, eles tentam se aproximar ao máximo da situação real, fazendo com que o aluno tenha a experiência de um vestibular. Dessa forma, eles funcionam como um treino — o que faz toda a diferença para o candidato no dia da prova.

Os simulados podem ser realizados em casa ou na própria escola onde você estuda. Muitos professores e cursinhos oferecem esses exames de treinamento, com questões elaboradas exclusivamente para isso. Para fazer em casa ou na biblioteca, por exemplo, basta imprimir as provas de exames anteriores, que estão disponíveis na internet.

Por que os simulados são importantes?

Os vestibulares costumam seguir um padrão em termos de modelo, estilo e dificuldade, de acordo com a instituição de ensino. Muitas vezes, as questões se repetem, mudando apenas alguns dados ou detalhes das provas antigas. Mas o raciocínio de resolução das questões continua o mesmo e, às vezes, até o tipo de pegadinha que cada banca gosta de fazer se repete.

Ao simular a experiência, você se sentirá mais preparado no dia da prova, pois já estará acostumado com as questões e com a situação. Por isso, os simulados ajudam a manter a calma e a diminuir a ansiedade, evitando, por exemplo, aqueles famosos “brancos” na hora da prova. Dessa forma, você vai se sentir muito mais confiante, obtendo melhor desempenho.

Além disso, os simulados são ótimos para avaliar o nível do seu conhecimento. Com eles, você descobre em quais matérias tem mais dificuldade, quais assuntos precisa estudar mais e aqueles que você domina. Assim, fica mais fácil organizar seus estudos de forma estratégica e planejada.

Como realizar um simulado de vestibular?

Existem algumas maneiras de realizar os simulados, para que eles sejam realmente proveitosos e eficazes. Veja como extrair o máximo de benefícios dessas provas!

Resolva as questões com consulta

Utilizar as questões de vestibulares é uma ótima forma de estudar. A dica é resolver as questões das provas passadas com consulta — e a ideia é que você aprenda enquanto realiza o teste. Desse modo, ao mesmo tempo em que você vai conhecendo os tipos de questões que caem na prova, você revê conteúdos e aprende as matérias.

Estabeleça limite de tempo

Saber administrar bem o tempo é uma grande vantagem. Por não conseguir gerenciar bem esse fator, muitos alunos não conseguem terminar a prova, mesmo sabendo as questões e tendo se dedicado bastante. No vestibular, o candidato passa muitas horas sentado e é um processo bastante cansativo que exige muita concentração.

Por isso, é preciso ter preparação física e psíquica. Se a prova tem limite máximo de quatro horas, por exemplo, estipule três ou duas horas e meia para realizar o simulado. E não se esqueça de reservar um tempo para preencher a folha de respostas. Isso ajudará a trabalhar a ansiedade e a treinar a resistência.

Verifique seu resultado

Conferir o gabarito é importante porque fazer uma prova sem avaliar os resultados não faz muito sentido, não é? O importante aqui não é focar nos acertos, mas, principalmente, nos erros. O que o resultado diz sobre o seu desempenho? Avalie seus pontos fortes e fracos.

Ao fazer o simulado, você consegue ter uma boa noção de quais matérias precisa estudar mais e em quais você já manda bem. Depois, aproveite para repassar as questões que errou. Busque entendê-las, identifique por que errou e aproveite para aprender melhor esses assuntos. Assim, você evita cometer o mesmo erro no dia do vestibular.

Estipule metas

Você pode escolher um curso ou, se ainda não souber muito bem qual graduação fazer, pode apenas estipular uma nota de corte como meta de estudo. Por exemplo: veja a média da nota para passar no curso de Administração e tente alcançá-la no simulado.

Você também pode fazer isso nos simulados que realizar. Se acertou, por exemplo, cinco questões em português, coloque a meta de acertar no mínimo oito no próximo simulado. Acompanhe seu desempenho e sinta-se estimulado a melhorar sempre.

Realize provas de várias instituições

É importante fazer provas de diferentes instituições, pois o modelo do ENEM não é o único que deve ser dominado. Se você tem interesse em ingressar em uma faculdade específica, é importante conhecer bem seu modelo de vestibular, a dificuldade e o estilo das questões.

Mas é interessante fazer simulados com provas de outras instituições. Assim, o seu conhecimento se torna mais amplo, pois os diversos exames podem levar você a diferentes dúvidas e exigir outras formas de preparo. Com um vasto domínio das provas, você estará preparado para resolver, praticamente, qualquer questão.

Mantenha uma frequência

Como o objetivo dos simulados é se preparar para um estilo de prova, é importante manter uma periodicidade. A frequência vai acostumar a mente e o corpo às exigências do vestibular. Mas não exagere! Se você tirar um tempo para realizar o simulado uma vez por mês — ou quinzenalmente — já é o suficiente.

Simule a prova

Tente reproduzir o dia do vestibular da maneira mais fiel possível. Aja como se estivesse, de fato, fazendo a prova. Para isso, procure um local calmo e silencioso e separe uma garrafa de água e um lanche, como chocolate e barras de cereais, para não interromper o treino. Simule também o horário em que as provas geralmente acontecem e estabeleça o mesmo tempo de duração. Faça as questões e preencha a folha de respostas.

Esse é um ótimo exercício para sentir na pele a adrenalina e vivenciar a experiência em sua totalidade. No dia da prova, você, certamente, vai colher os benefícios.

Com tantas vantagens, o simulado de vestibular se mostra uma ferramenta poderosa, contribuindo para uma ótima performance do candidato no dia da prova. Além disso, vale lembrar que os esforços serão recompensados, pois uma graduação no ensino superior oferece muito aprendizado e conhecimento, além de melhores condições de emprego e melhores salários.

Quer acompanhar mais informações que vão ajudar na sua formação acadêmica e profissional? Então, curta nossa página no Facebook e siga nosso perfil no LinkedIn!

Facebook Comments