O caminho para o sucesso é pavimentado por muita dedicação e estudo. Se você está prestes a se formar no Ensino Médio e deseja se preparar para entrar em uma boa faculdade, é preciso se esforçar!

O problema é que muita gente perde tempo, justamente por não saber como se organizar. Sabia que, seguindo alguns métodos de organização nos estudos, você consegue multiplicar sua produtividade?

Pensando nisso, reunimos aqui algumas dicas que vão ajudar a otimizar o seu tempo, fazendo com que o seu aprendizado seja mais eficiente. Confira!

Crie um cronograma de estudos

Um dos pontos principais para quem deseja otimizar o aprendizado é a criação de um cronograma, que contemple os horários, matérias e estratégias de estudo.

Para isso, é preciso conhecer a si mesmo — seus pontos fracos e fortes — e saber onde é o melhor local para conseguir se concentrar, sem que nenhuma distração tire a atenção dos estudos. Então, vamos lá!

Primeiro, separe as matérias por grau de dificuldade. Por exemplo, se você acha que tem um conhecimento fraco em matemática, então é preciso dar um foco maior a essa disciplina. Se, por outro lado, geografia é uma das suas matérias favoritas, então não é necessário se concentrar tanto nela.

Obviamente, você não deve deixar nenhuma disciplina de lado. A estratégia aqui é dar pesos maiores ou menores para cada uma de acordo com as suas habilidades — mas sempre abrangendo todas.

Feito isso, é hora de observar quanto tempo livre você tem durante a semana, escolhendo os horários e o local de estudo de forma estratégica. É importante que você se dedique a isso diariamente! Nos dias em que o tempo for maior, concentre-se nas matérias com alto grau de dificuldade. Já naqueles dias mais corridos, tente encontrar um tempinho — nem que seja apenas meia hora — para revisar as matérias que você tem mais facilidade.

O local ideal de estudo varia de estudante para estudante. O ideal é conseguir se concentrar sem que nada — nem ninguém — o distraia. Pode ser uma biblioteca, o seu quarto ou até mesmo um clube. O importante é se sentir confortável e ser capaz de se dedicar inteiramente aos estudos.

Ah, e não se esqueça: desligue-se do celular! Esse é um dos maiores inimigos da concentração!

Organize seu ambiente de estudo

Nada é mais desconfortável do que estudar em meio a um monte de bagunça!

Um ambiente de estudo bem organizado e limpo ajuda demais a intensificar seu aprendizado. Pode até parecer bobagem, mas não é!

Imagine o seguinte: você está estudando português e se depara com uma palavra ou conceito desconhecido. É preciso, então, procurar por um dicionário ou um livro de gramática. Se esse material não estiver ao seu alcance e você tiver que perder tempo para procurá-lo, isso já é o suficiente para quebrar sua concentração.

Tudo fica muito mais fácil se seus materiais estiverem ao alcance de suas mãos. Portanto, deixe sempre o seu ambiente bem organizado, pensando em tudo que você pode precisar durante o momento de estudo. Tenha lápis, canetas, calculadoras e livros em lugares fixos e de fácil acesso.

Livre-se das distrações

Já falamos antes sobre o maior inimigo dos estudos: o celular! Se você não puder desligá-lo durante os momentos de concentração, então, deixe-o no modo silencioso e com a internet desligada. Assim, a tentação de dar uma olhadinha nas redes sociais diminui.

Eu sei que é difícil, mas esse é um sacrifício necessário para que seu aprendizado seja rápido e eficiente. E o celular não é a única distração que deve ser eliminada! Mas se você optar por deixar o aparelho ligado, há alguns aplicativos que podem ajudá-lo a melhorar a concentração e até mesmo o estudo.

Existem, ainda, outros fatores que atrapalham a organização nos estudos, e isso varia de pessoa para pessoa. De maneira geral, evite a televisão, o computador e os videogames. Peça também aos seus familiares para que não interrompam seus momentos de concentração. É preciso ter dedicação exclusiva ao estudo para que ele possa gerar resultados.

Se você não consegue se concentrar com muito barulho ao seu redor, então é preciso encontrar um lugar silencioso para estudar. Por outro lado, se a música funciona como um catalisador para a sua concentração, coloque seus fones de ouvido e deixe que seus estudos sejam guiados por um bom fundo musical!

O importante aqui é se livrar de tudo que possa causar distração — e usar e abusar daquilo que aumenta o seu foco nos estudos.

Faça exercícios e revisões

Dentro da organização estratégica do cronograma, é preciso dedicar um tempo exclusivo para resolver exercícios e fazer revisões daquilo que já foi estudado.

Resolver questões é, sem sombra de dúvidas, um dos melhores métodos de memorizar todo o aprendizado. O ideal é que os exercícios sejam feitos de forma alternada à leitura de livros e apostilas, pois, assim, você pode colocar em prática tudo o que foi estudado, preparando-se efetivamente para as provas.

Ao resolver questões, não basta apenas respondê-la e deixar por isso mesmo. Busque compreender o porquê de uma alternativa ser correta ou incorreta, revisando a matéria que já foi estudada. É assim que os exercícios impulsionam os estudos e ajudam a descobrir os pontos fracos e fortes do seu aprendizado.

Sempre que você perceber que está errando muitas perguntas sobre uma matéria específica, então é hora de reformular seu cronograma para dar um foco maior a esse tema.

Não se esqueça do descanso

Uma mente cansada não consegue absorver tantas informações. É justamente nos momentos de descanso que ocorre a fixação de tudo que foi visto nos estudos.

Se você está se preparando para o ENEM, vestibular, concursos ou qualquer outra prova, é necessário saber conciliar o tempo de estudo com momentos de descanso. Caso esteja se sentindo muito cansado, então tem alguma coisa errada.

A exaustão é inimiga do aprendizado. Você não deve se privar dos momentos de sono e de prazer durante a preparação. Saiba conciliar, por exemplo, 10 minutos de descanso a cada 60 minutos de estudo. É possível aproveitar esses pequenos intervalos para comer um lanche e esticar as pernas.

É necessário também ter boas noites de sono, pois é quando a nossa mente consegue assimilar todas as informações obtidas durante o dia. Portanto, não abuse de estimulantes, como cafeína e energéticos.

Por fim, não se prive de sair com os amigos e praticar algum esporte. O exercício físico e os pequenos momentos de lazer também ajudam o nosso cérebro a se manter em bom funcionamento. Além disso, servem uma gratificação pela disciplina em se manter focado nos estudos por tanto tempo — e estresse não faz bem a ninguém!

Ao usar essas técnicas de organização nos estudos, você vai perceber que o seu rendimento será muito maior, e o aprendizado mais rápido e eficiente. Então não perca mais o seu tempo! Comece a se organizar agora mesmo e prepare-se para o sucesso.

Agora que você já sabe como otimizar seus estudos, siga-nos no Facebook e no LinkedIn para ficar por dentro de outras dicas como estas.

Facebook Comments