Atualmente, a Enfermagem é um dos cursos na área da saúde mais buscados pelos estudantes. A profissão é indispensável em muitos locais, como hospitais, clínicas, centros de saúde e no atendimento domiciliar de pacientes, o que representa uma alta demanda por profissionais da Enfermagem no mercado.

No entanto, para ter mais chances de realização e sucesso na carreira, é preciso que você se dedique bastante e desenvolva todas as habilidades exigidas para o exercício das atividades.

Pensando nisso, preparamos um guia completo da Enfermagem para que você conheça tudo sobre a graduação, como anda a oferta de oportunidades profissionais e quais são as qualidades necessárias para ser um bom enfermeiro. Confira a seguir!

Conheça o cenário de graduação na área da Enfermagem

Para saber se a Enfermagem é uma carreira que combina com o seu perfil, é preciso conhecer o cenário da graduação. Antes de optar por um curso na área da saúde, uma das primeiras perguntas que você deve se fazer é: “Eu tenho aptidão para lidar com pacientes diariamente e desenvolver de modo contínuo habilidades de cuidado e assistência a essas pessoas?”. Pense nisso.

Isso porque uma das principais dificuldades enfrentadas pelos alunos que optam por estudar Enfermagem é entender que a profissão exige bastante dedicação e treinamento prático — o que envolve tempo e disposição. Por exemplo, muitos estudantes, ao ter contato inicial com as atividades profissionais, acabam por perceber que a Enfermagem é um setor vital para o bom funcionamento dos serviços da saúde.

Sendo assim, a identificação com as funções desempenhadas, a alta demanda do mercado e a possibilidade de alcançar postos de trabalho estáveis fazem com que muitas pessoas sigam a profissão, mesmo diante dos desafios. E o passo inicial para construir uma trajetória de sucesso é ter uma formação de qualidade no ensino superior.

Isso vai garantir que você desenvolva todas as características necessárias para ser um bom enfermeiro e possa prestar à sociedade os seus serviços profissionais da melhor forma. Portanto, saber tudo sobre o cenário da graduação na área da Enfermagem e como escolher a melhor faculdade para iniciar de vez os estudos é imprescindível para começar a carreira com o pé direito.

Afinal, quais são as qualidades necessárias para ser enfermeiro?

A Enfermagem é um dos setores mais importantes no cuidado integrado da saúde. Por conta disso, é fundamental que o profissional tenha uma formação integral, que priorize um processo de aprendizagem focado na experiência cotidiana do ambiente de trabalho do enfermeiro.

Um dos requisitos básicos para seguir na carreira é gostar de cuidar do próximo. Muito do serviço consiste no acompanhamento diário de pacientes enfermos ou sob algum tipo de tratamento médico que exige assistência. É por isso que o trabalho não se limita apenas à parte técnica, mas também diz respeito ao tratamento humano — um dos aspectos relevantes para o sucesso na profissão.

A empatia é outra habilidade importante a ser desenvolvida, uma vez que o profissional costuma lidar com pessoas debilitadas ou que precisam de auxílio em um momento traumático da vida. Ter paciência e ser capaz de se comunicar com clareza e delicadeza também são qualidades bastante valorizadas nos enfermeiros.

Por fim, conseguir analisar os dados de saúde dos pacientes e estar atento a todos os detalhes é essencial para tomar decisões e resolver problemas de modo efetivo. Tudo isso exige uma dose extra de controle emocional, competência que possibilita ao enfermeiro lidar melhor com suas emoções diante dos desafios do ambiente de trabalho.

Sem dúvidas, atuar na Enfermagem requer responsabilidade e iniciativa do profissional. Mesmo que desenvolver as virtudes humanas seja um ponto-chave para se destacar, é essencial ter um bom conhecimento técnico sobre todos os setores da saúde integrados à atuação do enfermeiro.

Portanto, não poupar esforços ao optar pela melhor faculdade para cursar Enfermagem é o caminho mais indicado para quem deseja obter uma formação de excelência. Dessa forma, o estudante terá uma preparação que prioriza as demandas da carreira e que permita a ele vivenciar a realidade de trabalho — antes mesmo de concluir os estudos no ensino superior.

O que se estuda na faculdade de Enfermagem?

A graduação em Enfermagem reúne conhecimentos de diversas áreas, principalmente das Ciências Biológicas e Humanas. As disciplinas do curso preparam o aluno para trabalhar no dia a dia de modo ético e competente e permitem que ele experimente cada processo que fará parte da sua rotina profissional.

A grade curricular da Enfermagem pode ser organizada de uma forma diferente em cada instituição de ensino. De modo geral, a carga horária do curso tem disciplinas teóricas e atividades práticas em laboratórios. Isso permite que o graduando tenha contato direto com a realidade dos pacientes e uma melhor preparação para lidar com o cotidiano de trabalho.

O maior objetivo da faculdade de Enfermagem é formar profissionais capazes de atuar na recuperação, proteção e promoção da saúde das pessoas. Grande parte das matérias é destinada a demonstrar para o estudante como se dá o exercício da profissão, abordando temas como o cuidado de crianças, jovens, idosos, pessoas em situação de risco, saúde coletiva, entre outros.

Além disso, as atividades práticas do curso permitem que o recém-formado tenha uma visão ampla do sistema de saúde, por meio do contato com técnicas e procedimentos de atenção médica. Ao contar com uma formação integral e de qualidade, os profissionais estarão aptos a prestar seus serviços de maneira ética e responsável.

A seguir, veja quais são as principais disciplinas da matriz curricular da Enfermagem:

  • Anatomia Sistêmica;
  • Cuidado da Mulher;
  • Cuidado Psicossocial em Saúde;
  • Bioquímica;
  • Educação em Enfermagem;
  • Genética;
  • Nutrição;
  • Imunologia;
  • Administração e Gerência em Enfermagem;
  • Cuidado do Adulto e do Idoso;
  • Biologia Celular;
  • Ensino Clínico;
  • Fisiologia Humana;
  • Patologia;
  • Psicologia da Saúde;
  • Saúde do Trabalhador;
  • Relacionamento e Comunicação em Enfermagem.

Após a conclusão do curso, o enfermeiro poderá atuar auxiliando médicos em cirurgias, prestando atendimento ambulatorial em empresas ou domicílios, entre outras atividades. Portanto, muito mais do que apenas se dedicar ao cuidado de pacientes, o profissional deve ter uma formação integral para exercer com habilidade outras funções e possibilidades de atuação na carreira.

Quanto tempo dura a graduação?

A graduação em Enfermagem é regulamentada pelo Ministério da Educação (MEC) com uma carga horária mínima de 4 mil horas, distribuída em um período de 4 a 5 anos. Então, se você quer se tornar um enfermeiro, saiba que será preciso dedicar alguns bons anos aos estudos.

No currículo, os alunos também terão um estágio supervisionado obrigatório, realizado nos últimos semestres do curso. A duração do estágio, de acordo com o MEC, deve ter cerca de 20% do tempo total da graduação. Assim, será possível obter o diploma de ensino superior.

O aluno pode escolher entre dois tipos de titulação acadêmica: Licenciatura e Bacharelado. A diferença entre as duas é que a Licenciatura prepara o profissional para atuar como docente na área de Enfermagem. Mesmo que a matriz curricular varie em algumas disciplinas, o graduando vivencia os mesmos conhecimentos específicos do setor em qualquer opção que ele escolha.

Após a formação, o enfermeiro terá que obter um registro no Conselho Regional de Enfermagem (Coren) para atuar profissionalmente e exercer as atividades da carreira. Um dos documentos mais relevantes para tirar o registro é, justamente, um diploma reconhecido pelo MEC. Por isso, assim que começar a procurar por uma faculdade para iniciar os seus estudos, a primeira coisa que você deve fazer é verificar se a instituição de ensino tem o aval do MEC para oferecer o curso de Enfermagem.

Como escolher a melhor faculdade de Enfermagem?

Por se tratar de uma graduação na área da saúde, é mais que necessário investir na melhor faculdade de Enfermagem para alcançar todos os seus objetivos profissionais. Para isso, é recomendado analisar a metodologia utilizada nas aulas e atividades, as instalações físicas da instituição, entre outros pontos.

Assim, você terá garantia de que o seu currículo propiciará uma formação de qualidade — o que vai aumentar as chances de você se tornar relevante no mercado de trabalho. Na sequência, confira itens que devem ser observados antes de você optar por uma faculdade para estudar Enfermagem.

Infraestrutura

A infraestrutura é um fator de extrema importância para obter um bom desenvolvimento nas atividades práticas e de laboratório na graduação. É preciso verificar se as salas têm iluminação e ventilação adequadas. Os laboratórios também devem ter todos os equipamentos necessários para a realização das aulas e oferecer materiais didáticos para que o processo de ensino aconteça com a devida qualidade.

Matriz curricular

Outro item a ser analisado é a matriz curricular ofertada pela faculdade de Enfermagem. Ela precisa estar atualizada e de acordo com as demandas do mercado de trabalho. Veja se o currículo está dividido em disciplinas teóricas e práticas e se contém o estágio supervisionado. Da mesma forma, verifique o tempo de duração do curso e se ele atende às diretrizes curriculares do MEC.

Autorização para funcionamento

Saber se a graduação é autorizada para funcionar e se é reconhecida pelo MEC é extremamente importante, uma vez que isso demonstra que o ensino oferecido é de qualidade. Você pode fazer uma pesquisa no próprio site do MEC e buscar pelas melhores instituições da sua região.

Corpo docente

A qualificação do corpo docente é um grande indicador da reputação da faculdade — até porque bons professores não costumam se associar a cursos que não investem em um ensino de excelência. Para isso, você pode verificar a formação dos educadores e quais projetos eles desenvolveram ou pretendem iniciar dentro da área da Enfermagem.

Tipos de modalidade de ensino

Outro fator que pode impactar a sua escolha são as modalidades oferecidas pela instituição de ensino para a transmissão das aulas e dos conteúdos. É possível realizar a graduação semipresencial ou totalmente presencial — ficando a critério do estudante optar pela alternativa mais cômoda para a sua rotina.

Conheça a UCEFF

A UCEFF ocupa o posto de maior instituição privada de ensino superior do oeste catarinense. Nosso crescimento está pautado, sobretudo, na tecnologia e na alta gestão, com o objetivo de impulsionar a formação de alunos inovadores, éticos e empreendedores.

Acreditamos que a evolução da educação está na força do conhecimento, na qualidade do ensino e no envolvimento das pessoas. Por isso, a UCEFF conta com um importante projeto em suas unidades: o Comitê de Ética em Pesquisa. O Comitê é um colegiado inter e transdisciplinar que tem como finalidades regulamentar, analisar e fiscalizar a realização de todas as pesquisas que envolvem seres humanos.

Além disso, a graduação na UCEFF incentiva os estudantes a participar da iniciação científica e a formar grupos de estudo, pesquisa e extensão. O objetivo é contribuir para a construção de conhecimentos condizentes com a realidade e as necessidades da profissão. Essas características proporcionarão aos futuros profissionais mais oportunidades de crescimento.

O curso de Enfermagem da UCEFF tem plena autorização do MEC para funcionar e mais que isso: foi reconhecido e aprovado com nota máxima pelo órgão. Isso demonstra o quanto a nossa instituição de ensino é preocupada com a qualidade do ensino e com a formação dos graduandos.

Entenda como se dá o mercado de trabalho no setor de Enfermagem

Ter uma ampla noção da atuação, das habilidades exigidas e dos setores promissores de empregabilidade é importante para que o aluno possa se planejar e ter mais chances de atingir sucesso na carreira. Até porque, conhecendo a realidade da profissão, será possível investir em desenvolvimento pessoal e profissional e ter mais capacidade de adaptação à rotina do enfermeiro.

O que vai diferenciar um bom profissional da área é a qualidade da sua formação acadêmica e da bagagem adquirida no decorrer da graduação. Ao aproveitar todas as oportunidades, o futuro profissional sai à frente nos processos seletivos para vagas no mercado de trabalho.

Ressaltamos a importância de ter o registro no Conselho Regional de Enfermagem para atuar conforme os regulamentos exigidos pelo órgão e ter respaldo da área. Com isso, o enfermeiro poderá optar por um segmento de atuação e iniciar a sua jornada profissional dentro dos requisitos necessários para prestar serviços com a devida qualidade.

Conhecer o mercado e suas possibilidades é um dos primeiros e mais importantes passos para atingir a tão sonhada realização. Portanto, é essencial se informar antes mesmo de optar por uma faculdade para iniciar os estudos, pois esse fator influencia tanto a escolha de uma pós-graduação quanto o cargo e as funções que o enfermeiro deseja desempenhar.

Será que vale a pena fazer pós-graduação?

Como dissemos, o enfermeiro pode atuar em diferentes áreas, de acordo com as habilidades que ele tem a oferecer. No entanto, o mercado tem exigido cada vez mais a necessidade de aprimorar os conhecimentos para ganhar destaque. A busca por aprendizado contínuo é uma das maneiras mais eficientes de acompanhar a evolução do setor de saúde, principalmente por meio de cursos de pós-graduação.

Por lidar com o bem-estar e a vida de pacientes, o mercado de Enfermagem valoriza quem gosta de inovação e está aberto para continuar se aperfeiçoando, já que é preciso ter uma boa experiência teórica e prática para passar por diferentes situações e desafios no atendimento aos pacientes.

É por isso que dar continuidade à formação fazendo uma pós-graduação é importante para manter a carreira ativa e ter boas oportunidades futuras. O ideal é que o enfermeiro faça uma autoavaliação para definir qual é o melhor momento para renovar o seu currículo e, assim, ampliar as possibilidades de atuação na área da saúde.

Existem diversas opções de pós-graduações na Enfermagem, como:

  • Enfermagem do Trabalho;
  • Ergonomia;
  • Fisiologia do Exercício;
  • Enfermagem em Terapia Intensiva;
  • Auditoria em Saúde e Gestão da Qualidade;
  • Estética Avançada;
  • Enfermagem em Urgência e Emergência;
  • Gestão Hospitalar;
  • MBA Executivo em Gestão de Pessoas.

A pós-graduação é um grande investimento para a carreira do enfermeiro, pois ela permite que o profissional obtenha um currículo diferenciado e tenha mais qualificação para prestar concursos e fazer contatos relevantes para o seu desenvolvimento. Ao optar por uma área, considere os seus maiores interesses e acompanhe quais são os segmentos que se mostram promissores para atuar futuramente.

Qual é a média salarial do profissional de Enfermagem?

Hoje, a média salarial para quem se forma em Enfermagem é de R$ 3.440,04, de acordo com o Portal Salário, considerando uma jornada de 38 horas semanais. Além disso, o profissional tem alguns adicionais na remuneração, como os de insalubridade e periculosidade. Quem cumpre todas as horas do mês de trabalho no período noturno também recebe um adicional específico, de cerca de R$ 688,01 mensais.

No entanto, a renda pode variar, a depender do nível de escolaridade, dos títulos e do grau de instrução que o enfermeiro obteve ao longo da carreira. Certamente, quem investe em aprendizado contínuo, fazendo pós-graduações em setores que oferecem alta demanda, está mais perto de ter altos salários e alcançar estabilidade financeira.

Como se dão as oportunidades de trabalho no setor?

Quem escolhe seguir uma profissão em Enfermagem deve ter em mente que essa é uma opção que exige muita responsabilidade e disposição para encarar os desafios e a ampla carga de trabalho. Mesmo assim, a rotina acaba sendo recompensadora, uma vez que é possível ter a oportunidade de ajudar pessoas e salvar vidas todos os dias.

Com o aumento da procura por bons enfermeiros, o mercado tem se mostrado favorável, oferecendo possibilidades de atuação em diferentes segmentos dentro da saúde. Por isso, cursar a sua graduação e se especializar é importante para que você se diferencie e possa ocupar uma boa vaga de emprego, por exemplo, na saúde pública, no atendimento domiciliar, em hospitais ou na área acadêmica.

Seguir as tendências e se manter atualizado sobre novos conhecimentos e novas descobertas no setor de Enfermagem também é vital para se manter competitivo. Assim, você terá mais oportunidades de demonstrar aos empregadores as suas qualidades e o que pode oferecer de positivo para fazer parte da equipe de trabalho.

Quais são as principais opções de atuação?

Outro ponto que faz com que muitas pessoas prestem vestibular para Enfermagem é a amplitude de possibilidades de atuação dentro da carreira. Assim, se você está interessado em atuar nesse mercado, saiba que as funções e responsabilidades dependem de determinados fatores, como a formação e o local de trabalho.

As principais atividades da Enfermagem consistem na orientação preventiva, no atendimento de emergência — domiciliar e pré-hospitalar — e em diferentes especialidades da Enfermagem, como geriátrica, obstétrica, pediátrica, cirúrgica, entre outras. O enfermeiro pode atuar nos seguintes locais:

  • hospitais, clínicas e ambulatórios;
  • serviços de emergência, como as UTIs;
  • centros de atenção psicossocial;
  • instituições de longa permanência;
  • empresas que demandam serviços de Enfermagem do trabalho;
  • home care.

Quem quer investir em outros setores de atuação pode optar por uma especialização, fazendo uma pós-graduação, por exemplo, em Gestão, Assistência Domiciliar, Cardiologia, Neurologia ou Dermatologia. Outra possibilidade é trabalhar com auditoria ou seguir a área acadêmica para lecionar no ensino superior.

Dessa maneira, se o seu objetivo é alcançar sucesso, lembre-se de que realizar cursos, treinamentos, programas de formação continuada e participar de palestras e congressos é fundamental para se manter atualizado. Isso garante que você consiga acompanhar a evolução do segmento e possa oferecer serviços mais alinhados às tendências atuais.

As oportunidades de trabalho para os profissionais de Enfermagem estão crescendo a cada dia. Por isso, quem tem aptidão para a carreira pode ficar tranquilo, pois essa é uma área que vale a pena seguir.

Nesse sentido, investir em uma graduação é o caminho mais indicado para obter qualificação profissional e se inserir no setor da saúde. O ideal é que você inicie os estudos no ensino superior quanto antes para ter acesso a uma formação de qualidade e excelência!

O que achou deste novo conteúdo sobre o curso de Enfermagem? Esperamos que tenha sido útil para você! Agora, que tal garantir a sua vaga na faculdade para ter acesso a grandes oportunidades de trabalho? Então, entre em contato agora mesmo com a equipe da UCEFF e conheça todos os diferenciais oferecidos por nossa instituição. Será uma satisfação conversar com você!

Facebook Comments